uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Tenham cuidado rapazes

Tenham cuidado rapazes

Tradições e superstições

As superstições e conselhos ligados ao casamento são um lista infindável de avisos e proibições mas o alvo é sempre o mesmo. O noivo. As noivas gozam de imunidade total. Pelo menos neste campo as mulheres não podem dizer que são discriminadas.

Edição de 10.02.2005 | ESPECIAL CASAMENTOS
Não deixe que lhe varram os pésSe a sua intenção é nobre e quer mesmo casar não deixe que ninguém lhe varra os pés. Todos sabemos que já não existem vassouras, mas ainda há muita bruxa por aí, por isso tenha cuidado com espanadores, aspiradores e outros apetrechos de limpeza rasteirinha. Varredela no sapato e você nunca mais casa. Palavra de honra.A noiva ao coloNão se esqueça de entrar em casa com a noiva ao colo. Mas atenção, para que tudo corra bem é conveniente ter em conta as dimensões da porta e não exagerar no consumo de bebidas alcoólicas na altura do copo de água. Um trambolhão numa altura crucial como aquela pode sair-lhe muito caro. Uma noite de núpcias agarrado a um saco de gelo para tratar das nódoas negras ou uma lua de mel de muletas.Cama à espanholaNão se enfie na cama assim sem mais nem menos. Peça a alguém que sofra de diabetes um sistema de testa e verifique a quantidade de açúcar que os amigos lhe colocaram nos lençóis. Se estiver todo encolhido e mesmo assim estiver a chegar com os pés ao fim da cama não pense que a mesma encolheu. Foi a rapaziada que lha fez à Espanhola. A brincadeira é meio estúpida mas faz parte da tradição.Arroz pela cabeça abaixo Não pense que se livra do arroz que lhe vão atirar à saída da igreja com duas sacudidelas. À noite, quando tirar as peúgas e cuecas é que você vai ter a noção da quantidade de arroz que aquela gente gastou. Tudo junto dava para alimentar uma família durante um ano. Isso não lhe dá no entanto, o direito de andar a dizer que teve um casamento patrocinado pelo arroz Cigala ou outro qualquer.Carro todo javardadoEnfrente o carro com coragem por muito javardado que ele esteja. Peça um balde e uma esfregona aos empregados do restaurante e meta mãos à obra. Encare a tarefa como uma demonstração das suas capacidades domésticas. Salpique tudo por todo o lado, encha as calças e os sapatos de água e detergente. Enquanto lava o pára-brisas diga-lhe: “Estás a ver querida como eu sou jeitoso nas limpezas”. Depois de ver a lástima em que você ficou ela nunca mais lhe vai pedir ajuda para as limpezas domésticas. Padrinhos à espanholaPor falar em espanhola. Não vá nessa coisa dos padrinhos à espanhola. Prefira sempre a tradição portuguesa. Nunca ouviu dizer que de Espanha nem bom vento nem bom casamento? Tempos houve em que a primeira noite era para o “padrinho”. Para o senhor feudal, na idade média.Ver a noiva antes do casamento dá azarNum casamento não deve haver segredos. Mas é só no casamento. Antes do casamento tem que haver alguns. Já lhe devem ter dito que ver a noiva antes da cerimónia no dia, do casamento, dá azar. Acredite mesmo que não seja verdade. Ela quer vê-lo de boca aberta quando chegar ao pé de si e você, que a ama, vai mesmo abrir a boca de espanto. No dia do casamento não há mulher que não se supere.Já agora prepare-se para voltar a abrir a boca na hora da intimidade. Você nem imagina a lingerie nupcial que existe no mercado.
Tenham cuidado rapazes

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...