uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Pegou fogo à casa da mulher e dos filhos

Pegou fogo à casa da mulher e dos filhos

PJ deteve incendiário no Sobralinho, Vila Franca de Xira
Edição de 16.02.2005 | Sociedade
Dois dias depois do fogo que destruiu uma habitação humilde no Sobralinho, Vila Franca de Xira, na noite de quarta-feira, a Polícia Judiciária (PJ) deteve um presumível suspeito de ter ateado o incêndio. Trata-se do ex-companheiro da mulher que habitava a casa com dois filhos menores. O homem foi presente ao Tribunal de Vila Franca de Xira que decidiu que vai aguardar julgamento em liberdade.Segundo O MIRANTE apurou junto de fonte oficial, o suspeito aproveitou a ausência da mulher e dos filhos para lançar o fogo. O arguido comunicou o ocorrido à GNR de Alhandra e pediu ajuda aos militares. A mesma fonte confirmou que o casal se separou porque havia “confusões frequentes”. Há mesmo registo de várias queixas contra o detido por alegados maus tratos exercidos sobre a esposa. A mulher e os filhos já foram realojados temporariamente pela Câmara de Vila Franca de Xira e pela Segurança Social. Segundo a PJ, “motivações passionais” terão estado na origem do crime. O homem de 41 anos usou combustíveis líquidos para acelerar a combustão de uma casa feita com tijolo e madeira. A natureza do material acelerou a destruição do interior da habitação. Os bombeiros de Alverca chegaram rapidamente ao local, mas pouco puderam fazer.O homem poderá ser acusado da prática de um crime de incêndio doloso, que tem uma moldura penal que vai dos 3 aos 10 anos de cadeia. O tribunal deverá ter em conta os antecedentes de maus tratos e ameaças.
Pegou fogo à casa da mulher e dos filhos

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...