uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Debate da justiça é fundamental

Debate da justiça é fundamental

Tomada de posse na Delegação da Ordem dos Advogados de Vila Franca de Xira

A formação contínua dos advogados e o debate permanente dos problemas da justiça com todos os agentes são as prioridades da nova equipa que vai gerir a delegação da Ordem dos Advogados de Vila Franca de Xira nos próximos três anos. “Custou-me muito saber que houve problemas na Comarca que não chegaram à delegação”, lamentou Helena Pereira de Jesus, a nova presidente da delegação.

Edição de 23.02.2005 | Sociedade
A advogada recebeu o mandato na quarta-feira, 16 de Fevereiro, das mãos do presidente do conselho distrital, Raposo Subtil e perante o Bastonário da Ordem dos Advogados, Rogério Alves. Na plateia de convidados, os juízes do Tribunal de Círculo de Vila Franca de Xira, juízes conselheiros e mais de uma centena de advogados e estagiários trajados a rigor com as suas togas. Helena Pereira de Jesus tem a difícil missão de substituir Ilda Ribeiro de Carvalho que, com uma maneira de estar e um discurso singular, liderou a delegação nos últimos seis anos e deixou a sua marca. A manutenção do Tribunal de Família e Menores em Vila Franca de Xira, depois de ser dada como certa a transferência para Arruda dos Vinhos, foi a mais recente vitória da delegação protagonizada por Ilda Ribeiro de Carvalho. “Vou tentar igualar o trabalho da nossa presidente, superá-la é impossível”, disse Helena Pereira de Jesus. A líder da delegação conhece bem os cantos à casa. Integrou o último mandato com a responsabilidade dos processos de apoio judiciário. A equipa que a acompanha representa uma evolução na continuidade. Para além da presidente, só saiu o veterano António Pinto de Paiva. As caras novas são Ana Miragaia e Lopes António que se juntam a Carla Dias Fonseca (tesoureira) e Pedro Gil (responsável pela informática e comunicações).A nova presidente quer manter o óptimo relacionamento com os juízes, delegados do Ministério Público, funcionários judiciais e autarcas da comarca que integra também os tribunais de Benavente e Alenquer.O debate permanente e alargado dos problemas da justiça foi considerado fundamental pelo bastonário que elogiou o trabalho da delegação. “Andamos todos muito rabugentos e muito desiludidos, mas não basta criticar, temos de ter soluções”, disse Rogério Alves.“É preciso perceber as condicionantes dos outros agentes da justiça. A hostilidade não nos leva a parte nenhuma”, acrescentou.Falando dos problemas da profissão, o rosto da Ordem lembrou que há 23 mil advogados em Portugal quando noutros países da mesma dimensão há quatro mil. Defendeu maior rigor na selecção dos candidatos a advogados e a reforma do sistema de formação. A delegação de Vila Franca de Xira reúne cerca de 200 advogados e estagiários e foi apontada pelo presidente do conselho distrital como uma referência que arrastou outras delegações para a realização de acções de formação. “Vila Franca deu muito para este peditório”, concluiu.
Debate da justiça é fundamental

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...