uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Bolsas pagas até Fevereiro

No Instituto Politécnico de Tomar
Edição de 09.03.2005 | Sociedade
O Instituto Politécnico de Tomar (IPT) já pagou o valor das bolsas de estudo aos 954 alunos, dispersos pelas duas escolas superiores de tecnologia (uma na cidade do Nabão, outra em Abrantes) e pela escola superior de gestão.De acordo com Pires da Silva, vice-presidente da instituição, as bolsas de estudos foram integralmente pagas até Fevereiro, prevendo-se que o montante referente ao mês passado seja pago ainda antes do final de Março.Recorde-se que o IPT teve de fazer um empréstimo de 120 mil euros ao serviço de acção social da instituição, entidade financeiramente autónoma, para pagamento das bolsas correspondentes a Novembro de 2004.Para colmatar o mês de Dezembro foi solicitado ao Ministério das Ciências e Ensino Superior um adiantamento de verbas. “Neste momento a situação das bolsas de estudo está perfeitamente controlada”, referiu Pires da Silva ao nosso jornal.Entretanto, os Institutos Politécnicos interpuseram no dia 21 de Fevereiro uma acção no Tribunal Administrativo e Fiscal de Lisboa, reclamando o cumprimento da Lei da Autonomia do sector, que deve garantir a gestão autónoma dos orçamentos de cada instituição.O presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), explicou à Agência Lusa que esta acção foi decidida pelas instituições no final de 2004, depois do ministro das Finanças, Bagão Félix, ter recusado a transferência de verbas, apesar de estarem orçamentadas.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...