uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Ganhão quer NIC em Benavente e mais guardas

Edição de 09.03.2005 | Sociedade
O presidente da Câmara Municipal de Benavente reclama a transferência do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) para o seu concelho e o reforço dos meios da GNR na área do município. António Ganhão já fez sentir esta posição ao comando geral da GNR há mais de um ano, mas sem efeitos práticos.O autarca insiste em afirmar que não faz sentido manter o NIC distante dos maiores núcleos populacionais e dos locais mais problemáticos em termos de criminalidade. “É incompreensível manter o NIC em Coruche quando aqui temos mais população, mais acessibilidades e mais crime”, disse.O edil reclamou também uma melhor distribuição nos efectivos frisando que nos postos de Coruche há algum desafogo enquanto em Samora Correia e Benavente os militares não conseguem dar conta do recado. António Ganhão garantiu que vai colocar o problema ao novo Ministro da Administração Interna, António Costa. O debate entre os eleitos municipais de Benavente surgiu na segunda-feira, 7 de Março, na sequência do aumento dos crimes contra as pessoas e contra o património público e privado. O vereador Manuel dos Santos divulgou que no último fim-de- semana as floreiras junto às piscinas foram destruídas por vândalos e frisou que o estaleiro municipal de Benavente já foi assaltado sete vezes. O autarca queixou-se ainda do estacionamento anárquico em vários pontos do concelho. Segundo Manuel dos Santos estes factos são reveladores da falta de eficácia da GNR e da necessidade de reforçar os meios.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...