uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Colectivo venceu individualismo

Santarém Basket sucumbiu ao maior poderio do Benfica e perdeu por 53-78

O Santarém Basket foi derrotado pelo Benfica por expressivos 78-53, em partida da 25.ª jornada da liga profissional, jogada domingo, na nave desportiva da cidade, bem composta de público. Os escalabitanos jogaram como equipa na primeira parte e equilibraram o marcado,r mas o individualismo e a precipitação deitou tudo a perder durante o segundo tempo, elevando a diferença até aos 25 pontos.

Edição de 23.03.2005 | Desporto
A resistência do Santarém Basket perante o Benfica, terceiro classificado da Liga TMN, durou apenas meia parte. Nem mesmo a estreia de Amadou Dumbouya pelos escalabitanos, que mostrou bons pormenores, evitou a derrota da equipa treinada por José Monteiro. Nick Neumman, uma das estrelas dos ribatejanos, seguiu a linha dos últimos jogos, quase não se notando debaixo das tabelas e na marcação de pontos, enquanto Gabe Martin esgotou a capacidade ofensiva nos dois primeiros quartos. De resto, foi a desinspiração geral quando os encarnados aumentaram a pressão defensiva.O Santarém Basket começou bem a partida, com um cinco composto por Tiago Barreiro, Miguel Salvador, Gabe Martin, Ivan Tilev e Amadou. O equilíbrio no marcador foi uma constante, com o 20-20, no final do primeiro período, com um triplo de Miguel Salvador a dar a igualdade.O segundo período foi muito idêntico e quando Tiago Barreiro teve de sair por atingir a segunda falta, foi bem substituído por Ricardo Rodrigues. O resultado ao intervalo indicava 35-35, muito por fruto dos ressaltos defensivo e ofensivos que a equipa de Santarém conseguiu e que permitiram contra-ataques, segundos lançamentos e ida para a linha de lance livre. O segundo tempo foi desastroso para a equipa da casa, apesar de ter chegado aos 40-38 nos instantes iniciais. O Benfica foi-se afastando aos poucos no marcador, muito por culpa do seu americano Alpha Bangura (22 pontos) e de mais quatro jogadores que marcaram na casa das dezenas.O Santarém bloqueou por completo e sucederam-se as acções individuais e os lançamentos quase sem consumir o tempo de ataque, alcançando-se, nesse período, um parcial de 2-21. A partida estava decidida saldando-se o resultado final em 53-78, 25 pontos de diferença que espelham a má segunda parte dos anfitriões e a diferença de potencial das equipas.Curiosamente o Santarém Basket conquistou mais ressaltos (37) que o Benfica (26) mas não tirou grande partido desse factor. Gabe Martin foi o único a conseguir marcar pontos (17), enquanto Nick Neumman se quedou por seis. De resto, a percentagem de lançamentos de campo do Santarém foi de 29 por cento (16 convertidos em 55 tentados) o que dificilmente poderia proporcionar uma vitória. Amadou Dumboya, um poste de 2,06 metros, sem ser um jogador espectacular, mostrou-se interventivo, marcando oito pontos e conseguindo algumas boas acções defensivas, além de sete ressaltos.Pelo Santarém Basket alinharam e marcaram: Miguel Salvador (5), Tiago Barreiro (2), Gabe Martin (17), Amadou Doumboya (8), Nick Neumman (6), Ricardo Rodrigues (3), Ivan Tilev (6) e Luís Machado (6), Mohamed Camara e Dário Furtado.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...