uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Moita Flores decide esta semana se é candidato

À Câmara de Santarém

A possível candidatura de Francisco Moita Flores à Câmara de Santarém com o apoio do PSD vai ficar decidida durante esta semana. O ex-inspector da Polícia Judiciária e o presidente da concelhia de Santarém do PSD, Ramiro Matos, estiveram reunidos durante o passado fim-de-semana, mas dos encontros não saiu fumo branco.

Edição de 23.03.2005 | Política
Moita Flores disse a O MIRANTE que foi reafirmado o princípio de que o projecto político, a concretizar-se, “deve envolver as pessoas mais capazes e competentes” independentemente das suas origens políticas, partidárias ou outras.Para já não se falou em nomes, mas o PSD, embora concorde com esse princípio, parece não abdicar de ter a sua quota na composição da lista. “Somos um partido político, orgulhamo-nos muito do nosso percurso e achamos que temos pessoas à altura de integrar esse projecto”, afirma Ramiro Matos.“Esta semana fica tudo resolvido, para o bem ou para o mal”, declara Moita Flores, que no entanto se mostra convicto que há condições para se chegar a um acordo.A mesma leitura faz Ramiro Matos, que assume haver algumas arestas por limar entre as ideias defendidas pelo independente Moita Flores e os pressupostos que a assembleia de militantes do PSD aprovou para apoiar uma candidatura do escritor. “Mas não é nada que uma noite longa não resolva”, ressalva o presidente da concelhia do PSD e vereador da Câmara de Santarém.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...