uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Maioria dos portugueses não quer aumento de impostos

Edição de 30.03.2005 | Economia
Três em cada quatro portugueses discordam do aumento de impostos já admitido pelo ministro das Finanças, Campos e Cunha, de acordo com um barómetro publicado pela TSF e Diário de Notícias (DN).Segundo a sondagem realizada pela Marktest, 74 por cento dos portugueses está contra a subida dos impostos, enquanto 19 por cento concorda com um eventual aumento. Sete por cento dos inquiridos não sabe ou não responde ao assunto.Antes de ter tomado posse, o ministro das Finanças colocou a hipótese de vir a aumentar os impostos como o IRS, IVA e IRC.Outros dados do barómetro mostram que são sobretudo os homens, a faixa etária com mais de 55 anos e a classe mais alta, que mais estão a favor da opinião de Campos e Cunha. Por outro lado, os que se opõem à eventual medida do ministro são as mulheres, os mais jovens e a classe mais baixa.A sondagem revela também que o eleitorado do PS, 64 por cento dos inquiridos, é contra a subida dos impostos, enquanto 81 por cento dos simpatizantes do PSD se mostra favorável.A amostra do barómetro indica também que 39 por cento dos portugueses acredita que daqui a um ano Portugal estará melhor em termos económicos, enquanto 30 por cento consideram que estará igual e 21 por cento que estará pior.A sondagem da Marktest para o DN e TSF foi realizada entre 15 e 18 de Março, através de 812 entrevistas e apresenta um erro de amostragem de mais ou menos 3.44 por cento para um intervalo de confiança de 95 por cento.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...