uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Gonçalves é treinador a tempo inteiro

Simões Gapo saiu do comando do CD Torres Novas devido aos maus resultados
Edição de 01.03.2006 | Desporto
Simões Gapo deixou o comando técnico do Clube Desportivo de Torres Novas. O experiente técnico não resistiu aos maus resultados alcançados pela equipa, que no início da época tinha claramente definido o objectivo de subir de divisão, tarefa de que está praticamente arredada. Para o seu lugar entrou o, até então, jogador Gonçalves, que vai assumir o lugar de treinador até ao final da época.Garantindo que não estava no Torres Novas apenas pelo dinheiro que recebia, Simões Gapo referiu a O MIRANTE que face à situação actual do clube na tabela classificativa, com os objectivos iniciais praticamente inalcançáveis, reuniu com o presidente e depois de discutirem a situação chegaram à conclusão de que seria melhor para todos que ele deixasse o clube.Situação que foi corroborada pelo presidente do clube, Manuel Piranga. “O Simões Gapo é um homem muito honesto e teve uma postura que considero exemplar. Viu que os objectivos de subida estavam já muito longe, colocou-me a questão e rapidamente chegámos a acordo para a sua saída”, garantiu.A escolha de Gonçalves para substituir Simões Gapo, teve a ver com o seu conhecimento da casa. Está na sexta época ao serviço do clube torrejano, como jogador, e agora vai arrumar as botas, e passar a dirigir os seus companheiros do banco de suplentes. “Só em condições extremas é que voltarei a jogar”, garantiu o novo treinador.Gonçalves conhece bem o grupo de trabalho, actualmente muito curto. “Tenho disponíveis neste momento apenas 14 jogadores e dois são guarda-redes” queixou-se. No entanto garante que nem ele nem os jogadores ainda atiraram a toalha. “Enquanto for matematicamente possível, vamos continuar a correr atrás da subida”, disse.Refira-se que o Torres Novas está no quarto lugar do Campeonato Distrital da Primeira Divisão, a 14 pontos do líder que é o Cartaxo.O novo treinador do Torres Novas, apesar de repartir a vida de jogador com o seu emprego na cerâmica Eurocer, no Carregado, tem o curso de primeiro nível de treinador de futebol, modalidade a que pretende continuar ligado. Por isso vai fazer a partir de Abril o curso de segundo nível. Para já Gonçalves vai apostar na motivação dos seus jogadores, e garante que a sua passagem para o comando técnico foi bem recebida pelos jogadores. “Por isso vamos trabalhar todos os dias com a finalidade de dignificar a camisola do Torres Novas”, concluiu.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...