uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Um veículo da propaganda americana

Edição de 01.03.2006 | Sociedade
A Raret instalou-se na Glória do Ribatejo, em Maio de 1951, pela mão dos Estados Unidos da América. Em plena Guerra Fria, era uma peça fundamental para divulgar a propaganda com que se pretendia minar o interior da “cortina de ferro” – ou seja, os países do Leste europeu dominados pelo comunismo soviético. Chegaram a trabalhar lá cerca de 500 pessoas. A queda do muro de Berlim e o desmembramento da União Soviética esvaziaram de sentido as suas funções e em 1 de Fevereiro de 1999 fechou portas.Com as poderosas antenas retransmitia-se em onda curta a programação produzida na Alemanha para terras russas, polacas, búlgaras, checas, romenas e outras. E os operadores de radiodifusão portugueses a maior parte das vezes nem sabiam o que estavam a pôr no ar.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...