uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Câmara de Tomar paga dívidas da Festa dos Tabuleiros

Câmara de Tomar paga dívidas da Festa dos Tabuleiros

Factura atinge já os 62 mil euros

A Câmara de Tomar vai assumir as dívidas até agora apuradas da edição de 2003 da Festa dos Tabuleiros. O presidente do município justifica a decisão pelo interesse público do evento.

Edição de 08.03.2006 | Sociedade
A Câmara de Tomar vai assumir todas as dívidas, “desde que devidamente justificadas”, resultantes da última Festa dos Tabuleiros. A decisão foi tomada sexta-feira, após o executivo se ter reunido à porta fechada para discutir os documentos entregues naquele dia pelo mordomo da festa de 2003, António Madureira.A assumpção da dívida – que em pouco mais de uma semana “subiu” de 50 para 62 mil euros – foi “tirada a ferros”, após mais de duas horas de discussão do executivo. E foi com uma cara fechada que o presidente do município, António Paiva (PSD), anunciou que a autarquia estaria disponível para pagar a factura. Pelo que a festa representa para o concelho.“Tendo em conta o interesse público da Festa dos Tabuleiros, a câmara deliberou estar disponível para assumir as responsabilidades financeiras da festa de 2003 para com terceiros, atribuindo um eventual subsídio extraordinário em função de documentos devidamente justificativos de dívidas ainda existentes, em resultado da análise global e definitiva das contas e do relatório a apresentar pelos peritos”, lê-se na deliberação camarária.Três anos após a realização do maior evento do concelho, o balanço da festa ainda não está fechado. Num ofício enviado à câmara, a comissão da festa dava conta de que as contas tinham sido “enviadas para análise de peritos qualificados”.Os documentos colocados em cima da mesa não foram, para o executivo municipal, “esclarecedores nem suficientes” para que a câmara pudesse tomar uma decisão final sobre o assunto. No entanto, porque na noite daquela sexta-feira a população iria pronunciar-se sobre a realização da próxima festa, já para o ano, o executivo considerou que “importa encerrar definitivamente as contas da festa de 2003”.Margarida Cabeleira
Câmara de Tomar paga dívidas da Festa dos Tabuleiros

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...