uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Carregado está a caminho da subida

A vida está difícil para o Ouriquense
Edição de 29.03.2006 | Desporto
No final do jogo, o treinador do Estrela Ouriquense, Jorge Peralta, era o espelho da desilusão. Satisfeito com a atitude e o bom jogo que os seus jogadores praticaram, lamentava no entanto a falta de sorte que tem acompanhado a sua equipa. “Chega a parecer impossível como é que a bola não quer entrar na baliza dos nossos adversários”, comentou.Jorge Peralta reconhece que a vida está difícil, mas recusa atirar a toalha. “Hoje jogámos com o líder e mostrámos que sabemos jogar. Fomos superiores a maior parte do tempo, mas cometemos um lapso e acabámos por perder. Contudo ainda nada está perdido, e enquanto for matematicamente possível vamos lutar pela manutenção”, garantiu.“Lutámos de igual para igual com o Carregado, e isso tem acontecido com quase todas as equipas, mas a diferença tem sido feita como aconteceu hoje. Nós falhamos na concretização e os nossos adversários marcam. É aí que a diferença tem acontecido”, referiu Jorge Peralta.Por seu lado o treinador adjunto do Carregado, Sérgio Ricardo, reconheceu alguma felicidade à sua equipa, mas acabou por dizer que a vitória da sua equipa se justificava, pela “postura e entrega dos jogadores”.Sérgio Ricardo garantiu que foi a vitória em mais uma final, que ajudou a ficar mais perto dos objectivos do primeiro lugar. “Nunca escondemos que o nosso objectivo é o primeiro lugar e a subida e vamos continuar na luta. Esta vitória deixou-nos um pouco mais perto do nosso objectivo”, garantiu.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...