uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Rui Rocha quer revitalizar o PSD

Rui Rocha quer revitalizar o PSD

Nova concelhia social-democrata toma posse em Vialonga

Rui Rocha, 43 anos, é o novo líder do PSD de Vila Franca de Xira. Na tomada de posse prometeu acabar com as prima-donas dentro do partido e traçou como objectivo ganhar o município em 2009.

Edição de 29.03.2006 | Política
Acabar com as “prima-donas” do partido e vencer as eleições autárquicas de 2009 são as grandes metas da nova Comissão Política Concelhia do PSD de Vila Franca de Xira. Rui Rocha é o presidente da concelhia que tomou posse no passado dia 23 de Março, em Vialonga, numa cerimónia que contou com a presença do vice-presidente do partido, Eduardo Azevedo Soares. “Se não se colocar a fasquia no melhor resultado possível, não se chega ao óptimo. É uma questão de princípio”. Foi desta forma que Rui Rocha justificou o objectivo de o PSD vencer as próximas eleições autárquicas. Para isso, Rui Rocha considerou fundamental reforçar a credibilidade do partido, “para podermos representar algo para a população de Vila Franca de Xira”. O novo presidente da concelhia do PSD afirmou, ainda, acreditar que vai chegar o dia em que os cidadãos do concelho vão perceber a “falta de visão e sentido estratégico da câmara municipal, que vem já da CDU”.Rui Rocha, de 43 anos, é técnico de gestão administrativa, e integrava já a anterior Comissão Política Concelhia, presidida por Rui Rei, tendo-se destacado como dirigente da JSD. Natural de Aveiro, mora actualmente em São João dos Montes. Na tomada de posse, Rui Rocha referiu que para chamar “os cidadãos para a política e para o partido” serão criados grupos por áreas profissionais para “debater os interesses de Vila Franca”. Assumindo-se como uma pessoa frontal, Rui Rocha anunciou que “acabou o tempo das prima-donas no PSD de Vila Franca de Xira”. Segundo explicou, as “prima-donas são todos aqueles que em vez de discutirem as questões no seio do partido, vão escrever para as páginas dos jornais”. Por isso, vai impor disciplina no seio do partido, de forma a que as questões sejam “discutidas no sítio certo”.O vice-presidente do PSD, Azevedo Soares, sublinhou a importância de reforçar a credibilidade do partido “num concelho tão importante para a Área Metropolitana de Lisboa”. Vencer as autárquicas de 2009 é o grande objectivo, que admitiu ser ambicioso, mas atingível “se estivermos atentos às necessidades do concelho, se soubermos dialogar”. Rui Rei, que se despediu da presidência da concelhia, referiu-se aos próximos tempos como “de afirmação do partido como alternativa”. Quanto ao futuro, Rui Rei afirmou que vai passar pela continuação do trabalho como vereador na Câmara Municipal de Vila Franca, pelo emprego e pela conclusão dos estudos, acrescentando que “para mim, a política não é uma profissão, é um estado de alma”.
Rui Rocha quer revitalizar o PSD

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...