uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Alarmismo entope serviços de veterinária

Edição de 29.03.2006 | Sociedade
As preocupações com a gripe das aves têm levado a um aumento do número de chamadas recebidas pelos Serviços Regionais de Veterinária da Direcção Regional de Agricultura do Ribatejo e Oeste. Segundo explicou o director dos serviços, Carlos Apolinário, as pessoas telefonam sempre que encontram uma ave morta, o que não acontecia anteriormente. O responsável designa esta postura das pessoas de “plano de vigilância passivo”, e acrescenta que “as pessoas estão motivadas” para colaborar com as autoridades.Embora o número de chamadas para a Reserva Natural do Estuário do Tejo se mantenha, João Correia, vigilante da natureza, refere que agora o receio de que o animal esteja infectado com o vírus da gripe das aves está latente na abordagem que as pessoas fazem quando contactam a reserva. “A gripe das aves é a primeira coisa que pensam”, diz. Sendo a Reserva Natural do Estuário do Tejo uma zona de risco potencial, João Correia assegura que até ao momento não foi registada nenhuma mortalidade anormal de aves.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...