uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Patrulhamento a cavalo só na Feira de São Martinho

Edição de 29.03.2006 | Sociedade
As recentes notícias que dão conta do início do patrulhamento a cavalo em Almeirim e Rio Maior não passaram despercebidas aos olhos do presidente da Câmara Municipal da Golegã. Veiga Maltez, que sempre alvitrou a guarda a cavalo para o seu município, garante que não se sentiu “beliscado” por mais uma vez o seu desejo ter sido ultrapassado pelas necessidades de outros concelhos.“Não me sinto beliscado porque aceito que tenham posto a guarda a cavalo em concelhos que têm todas as características do Ribatejo, que são a charneca, a lezíria e o bairro”, diz o autarca.Veiga Maltez contenta-se assim com o patrulhamento da guarda a cavalo, uma vez por ano: “Conseguimos a patrulha a cavalo na Golegã durante a Feira de São Martinho e isso já é muito importante. Não só pelo atractivo turístico que representa, mas também pela sua mais valia ao nível da segurança, numa altura em que as ruas estão cheias de cavalos”. Ainda assim, o autarca não deixa de lançar o isco: “Já me conformei porque sei das dificuldades da GNR, mas não vou deixar de continuar a pedir o patrulhamento a cavalo para a Golegã durante o ano todo”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...