uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Alunos confeccionam lampreia à moda do minho

Edição de 05.04.2006 | Economia
Numa acção de promoção do núcleo de Santarém da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, os alunos do terceiro ano do curso de cozinha/pastelaria prepararam uma refeição de Lampreia à moda do Minho. Um prato bastante apreciado por muita gente mas pouco comum nas ementas dos restaurantes, por ser caro e por as lampreias já não abundarem.Vasco Alves, monitor do referido curso, acompanhou e instruiu os alunos na confecção, que requer muito empenho por parte de quem a prepara. “É um animal viscoso e tem uma tripa que tem de ser tirada com alguma perícia para não rebentar. Depois tem uma cartilagem no meio que também tem de ser retirada para não encolher na cozedura”, explicou.Inicialmente muitos alunos não conviveram bem com o preparo do animal, que se assemelha a uma cobra e que não é fácil de manusear. Mas com as instruções do monitor lá foram ultrapassando o sentimento de repulsa e prepararam um prato que mereceria boa nota em qualquer concurso gastronómico.A lampreia tem de ficar 24 horas a marinar com ramos de cheiros, vinho tinto verde e maduro e um pouco de sal. No dia seguinte é posta a refogar lentamente com cebola na própria marinada, com um pouco de presunto e deixa-se suar bastante. É servida com arroz que é feito com o molho da marinada e servida com pão frito com azeite, coberto com uma massa de alho.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...