uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

A bebé nativa que nasceu na Berliet

Edição de 12.04.2006 | Sociedade
Nem só más recordações de África ensombram a memória do ex-militar António José Oliveira. O militar do Sobralinho, que partiu para Angola em 1973, um de três irmãos combatentes, orgulha-se de ter conduzido uma Berliet que chegou a servir também como sala de partos.Foi em Março de 1974. Em Landana. Durante uma viagem um tropa especial nativo que vivia no mato pediu ao condutor para levar a mulher para Cabinda. O trabalho de parto estava avançado e o nascimento da menina teve que ser improvisado na camioneta com a ajuda de um enfermeiro. “Foi terrível. Eu já suava mais que a mulher”, conta. O militar também nunca irá esquecer as famílias de gorilas das matas do Maiombo, os olhares dos animais quando as viaturas pararam para lhe dar passagem nas picadas e o amanhecer em Cabinda.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...