uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Culpar o vinho pelos acidentes é um erro

Presidente da Câmara do Cartaxo critica secretária de Estado
Edição de 19.04.2006 | Sociedade
O presidente da Câmara do Cartaxo, Paulo Caldas (PS), insurgiu-se contra o facto de o Governo apontar apenas o sector do vinho como o “culpado” pela sinistralidade rodoviária devido às elevadas taxas de alcoolemia.O autarca referia-se às recentes posições do secretário de Estado da Administração Interna, Ascenso Simões, que admitiu que o limite mínimo da taxa de alcoolemia pode baixar e que o sector vitivinícola teria de contribuir para a diminuição do consumo de álcool pelos condutores ao volante. “É um erro estratégico quando o sector do vinho é daqueles em que o país tem possibilidades de crescer”, sustenta Paulo Caldas (PS).O edil do Cartaxo considera que é abusivo e pouco correcto associar o consumo de vinho aos acidentes na estrada por condutores com excesso de álcool. “Colocar o problema da alcoolemia através do sector do vinho é um erro estratégico. Como autarca estou contra essa postura quando existem outras bebidas como a cerveja, bebidas brancas, algumas importadas, que contribuem bem mais para essa situação”, comentou durante a reunião do executivo municipal realizada a 4 de Março em Vila Chã de Ourique.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...