uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Grupo Columbófilo do Sobralinho tem casa nova

Dirigentes querem aproximar associação da população
Edição de 03.05.2006 | Desporto
Há 56 anos atrás Marcos Lopes emocionou-se quando o Grupo Columbófilo do Sobralinho inaugurou a sua primeira sede. Hoje, mais de meio século depois, a emoção é tanta ou ainda maior, ao ver que o grupo que ajudou a fundar está mais forte do que nunca.“Foi um dia inesquecível e o de hoje também será”, diz um dos pais do Grupo Columbófilo do Sobralinho, que aos 86 anos continua “um apaixonado pelos pombos”. E tal como há 56 anos, o momento mais marcante da cerimónia de inauguração para Marcos Lopes foi a largada de pombos. O novo espaço vem responder a um desejo de há muito da associação que queria uma sede com as condições necessárias para a sua actividade. Na cerimónia de inauguração, no dia 25 de Abril, “finalmente” foi a palavra mais ouvida da boca do presidente do grupo, Fernando Jorge.O projecto da nova sede nasceu em 1998 e um ano depois arrancou a primeira fase da obra. No entanto, decisões políticas ditaram a suspensão da obra que só foi retomada em 2004. Foi “um caminho difícil”, mas que nunca fez esmorecer o responsável do Grupo Columbófilo do Sobralinho.E “hoje o sonho tornou-se realidade, já temos condições condignas”, referiu Fernando Jorge. O espaço, que ultrapassou os 175 mil euros, compreende gabinetes, uma sala de encestamento de pombos, um bar e uma biblioteca, que estarão abertos a toda a comunidade. Com estas mais valias o presidente da associação pretende também “mobilizar a sociedade em geral”.Na cerimónia estiveram presentes, o presidente da Associação Columbófila do Distrito de Lisboa, Carlos Teixeira, e o presidente da Associação Portuguesa de Columbofilia. José Tereso, que é também o presidente da Federação Columbófila, fez questão de saudar o apoio que a autarquia de Vila Franca de Xira tem dado a esta actividade, considerando “um raro exemplo até a nível mundial”. O responsável sublinhou ainda o papel importante de Portugal no mundo da columbofilia, onde tem um lugar de destaque e modelo para muitos países.O Grupo Columbófilo do Sobralinho nasceu em 1949 e é fruto do desejo de um grupo de entusiastas da columbofilia. Com 300 associados, a associação tem como principal actividade a participação na campanha desportiva distrital, que inclui 28 provas, que este ano foram reduzidas, devido à gripe das aves.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...