uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Remendos em ponte perigosa

Remendos em ponte perigosa

Passagem pedonal que dá acesso a escolas foi melhorada mas acusa o peso dos anos

A Câmara de Santarém remendou alguns buracos com novas tábuas mas continuam algumas zonas em mau estado.

Edição de 31.05.2006 | Sociedade
A Câmara de Santarém substituiu, esta sexta-feira, as tábuas que estavam arrancadas e outras que ameaçavam ceder da passagem de madeira que liga a urbanização do Mergulhão à zona das escolas Alexandre Herculano e de Enfermagem.As centenas de pessoas que diariamente atravessam a passagem de madeira temiam pela sua segurança face ao estado a que tinha chegado a travessia. A passagem com cerca de 60 metros de comprimento continua com o pavimento em tábuas de madeira visivelmente apodrecido pelos anos, apesar das novas que foram colocadas. Até há pouco dias o cenário era de uma passagem com muitas tábuas que saltavam ou cediam uns centímetros a cada passada, ameaçando que iam quebrar-se.Permanecem ainda pregos salientes e os corrimãos de ambos os lados também não incutem segurança. João e Elizabete Pires costumam passar diariamente ao final da tarde na travessia pedonal em caminhadas desde a quinta das Fontainhas. Referem que aquela passagem começou a ficar mais degradada há cerca de um ano. “Começa a ser bastante perigoso atravessar aqui porque já não se sabe bem onde colocar os pés. A câmara devia substituir a madeira por outro material mais resistente”, sugeria João Pires.Nuno Matos e duas colegas passam no local ao final da tarde. Vão da Escola Superior de Enfermagem a caminho de casa e encurtam a viagem ao passar pela travessia.“Estou em Santarém desde o início do ano lectivo e sempre vi esta passagem em mau estado, mas há cerca de duas semanas piorou bastante, com tábuas arrancadas e outras muito soltas”, explicava o estudante. O vereador da Câmara de Santarém, Mário Santos (PSD), referiu a O MIRANTE ter sido alertado para a situação pelo pai de um aluno da escola e confirmou no local o mau estado da passagem.Deu indicação ao departamento de obras da câmara para se repor a normalidade naquela passagem e as tábuas em pior estado foram substituídas esta sexta-feira para garantir a segurança aos muitos estudantes e outras pessoas que ali passam diariamente. Quanto a alternativas, Mário Santos assegura que, caso os técnicos indiquem que a actual passagem não reúne condições para ser requalificada, se terá de partir para a criação de outra travessia. Ricardo Carreira
Remendos em ponte perigosa

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...