uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Eleita municipal de Santarém defende honra de governante

Eleita municipal de Santarém defende honra de governante

Edição de 04.10.2006 | Política
A eleita do PS na Assembleia Municipal de Santarém Idália Moniz assumiu na noite de sexta-feira, na última reunião desse órgão, o papel de secretária de Estado da Reabilitação, que também desempenha, para “defender a honra e o bom nome” do seu colega secretário de Estado da Administração Local.Durante breves minutos Idália Moniz vestiu a pele de governante para responder às críticas feitas a Eduardo Cabrita pelo presidente do município, Francisco Moita Flores (PSD). A propósito da nova Lei das Finanças Locais que o Governo se encontra a preparar, Moita Flores disse, entre outros mimos, que o secretário de Estado tratava os autarcas como um “bando de cábulas”.“Não me parece razoável que esses termos sejam usados contra alguém que não está presente na sala”, observou a socialista Idália Moniz. Perante a contestação de alguns eleitos do PSD – como Diamantino Vicente, que recordou intervenções naquele mesmo local onde Idália criticou igualmente de forma dura governantes anteriores -, a secretária de Estado disse que o problema estava nos “adjectivos ofensivos” utilizados.Moita Flores havia acusado o secretário de Estado de lançar informações caluniosas para a comunicação social e disse que a nova Lei das Finanças Locais é um monumental ataque feito às autarquias.
Eleita municipal de Santarém defende honra de governante

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...