uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Rossio de Pernes devolvido à população

Inauguração foi no sábado com uma grande enchente

Depois de concretizado o objectivo de requalificar a zona central da vila os objectivos viram-se para a intervenção no mouchão parque.

Edição de 04.10.2006 | Sociedade
Uma pequena multidão encheu o Rossio de Pernes, inaugurado este sábado após obras de requalificação ambicionadas há anos. No mesmo local onde antes o pó e a lama eram uma constante nasceu agora um renovado largo com espaços amplos. Não falta mobiliário urbano, árvores em crescimento, jogos de água e um parque infantil. O estacionamento ficou também mais ordenado com cerca de 70 lugares disponíveis.Centenas de pessoas reuniram-se em torno de mesas espalhados pelo largo durante o jantar volante, à espera que os porcos a assar no espeto estivessem no ponto. Não faltou pão, vinho e fruta para acompanhar. De fora vieram algumas excursões com pessoas das restantes freguesias do concelho.A música esteve bem presente a cargo da Banda do Xartinho, seguindo-se um baile das bodas de prata para os casais com pelo menos 25 anos de matrimónio ao som da Orquestra Santos Rosa. A concluir actuou o cantor Carlos Mendes. António Rodrigues, de Vale de Figueira, costuma passar por Pernes frequentemente e lembra-se do aspecto do antigo largo do Rossio. “Estava tudo bastante degradado e tornaram o espaço muito interessante. Com esta festa bonita ainda melhor. Pernes fica bem servida”, considerou.Para a pernense Maria Helena Cruz o largo ficou bonito e um local onde dá gosto estar. “Só falta resolverem a questão da fonte que estava previsto que colocassem no meio do largo”, recorda a moradora. Que disse ainda esperar que os habitantes da vila, especialmente os mais novos, não estraguem o que agora foi erguido.A inauguração contou com a presença de vários autarcas do concelho. O presidente da Junta de Pernes, José Viegas (CDU), mostrou-se satisfeito pelo sonho concretizado, após uma longa reivindicação de cerca de 50 anos, que agora “enriquece a qualidade de vida e aumenta a auto-estima dos pernenses”. O vice-presidente da Câmara de Santarém, Ramiro Matos (PSD), substituiu o presidente Francisco Moita Flores, que não pôde comparecer à inauguração. Elogiou a vila pelo novo espaço e não esqueceu o projecto para a zona das quedas de água de Pernes.O autarca referiu que a autoria da obra agora concretizada não deve ser reclamada por ninguém. “A Junta de Pernes pensou-a, o executivo municipal anterior lançou-a e nós vamos concluí-la e fazer o pior, que é pagá-la”, gracejou o autarca, rodeado de vereadores da câmara escalabitana, entre os quais Rui Barreiro (PS), anterior presidente, e Luísa Mesquita (CDU).Ricardo Carreira

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...