uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Coruche com acesso ao Valtejo Finicia

Edição de 11.10.2006 | Economia
Coruche é o mais recente concelho do distrito de Santarém a aderir ao projecto Valtejo Finicia, o novo instrumento financeiro de apoio a micro e pequenas empresas dinamizado pelo Instituto de Apoio a Pequenas e Médias Empresas (IAPMEI) e que, na região, conta com a parceria da Associação Empresarial da Região de Santarém - Nersant. Num formato inspirado nos fundos concelhios já existentes no país, o Valtejo Finicia caracteriza-se pelo aumento da verba a disponibilizar, que passa a ser de 45 mil euros por projecto. Prevê ainda a diminuição do esforço financeiro das autarquias aderentes, cuja comparticipação desce de 50% para 20%, mantendo-se a taxa de juro zero. A apresentação pública do projecto, que em Coruche resulta da parceria entre o município local, o IAPMEI, a Nersant, o BES e a Garval estava prevista para a tarde desta terça-feira no auditório do Museu municipal de Coruche.O fundo para financiamento de projectos será de 500.000 euros. Oitenta por cento desse valor será disponibilizado por uma instituição financeira a uma taxa de juro preferencial (Euribor a seis meses, acrescida de um spread máximo de 1,25 por cento). Os restantes vinte por cento serão disponibilizados pela Câmara Municipal de Coruche na forma de subsídio reembolsável sem juros. Este fundo de apoio pretende dar prioridade às micro e pequenas empresas que pretendam efectuar deslocalizações das suas instalações dentro do concelho, a modernização do comércio, e a inovação de processos produtivos. Entre as condições de acesso das empresas ao programa encontram-se, entre outras, a apresentação de uma situação económico-financeira equilibrada, situação regularizada com o fisco, segurança social e entidades financiadoras do fundo.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...