uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Viver na rua

A companhia de Deus e do rádio
Edição de 11.10.2006 | Sociedade
Há seis anos que Vítor Manuel Moreira vagueia sozinho pelas ruas de Lisboa, primeiro, e agora de Vila Franca de Xira. É sem abrigo desde que perdeu o emprego e logo depois a mulher o pôs fora de casa. Está há três meses em Vila Franca de Xira onde anda pelas ruas durante o dia a pedir uma esmola para a comida, os cigarros e para “a pinga”. Nas mesmas ruas passa a noite embrulhado em mantas e caixotes.Diz que não é alcoólico e garante que tem procurado emprego por todo o lado, até em Albufeira. Mas “já não são precisos ajudantes de motorista”, lamenta. Veio para Vila Franca pelo Colete Encarnado e por cá ficou porque “as pessoas são amáveis, são muito humanas”. Grande parte do dia passa-o no Jardim Municipal Constantino Palha em conversa “com este ou com aquele amigo”. Ou a ouvir a Rádio Renascença no aparelho que comprou há poucos dias por um euro.O espaço que escolheu como cama fica nas traseiras do Vila Franca Centro e é aí que passa a noite com um outro sem abrigo. Mas antes de dormir põe a “conversa em dia” com o segurança do jardim municipal, o seu “grande amigo”.Diz que não se sente sozinho, porque “Deus está comigo”. É a ele que pede diariamente para que o ajude a sair da situação em que se encontra, sobretudo para poder voltar a estar com os filhos de 16 e 21 anos com os quais só fala por telefone de vez em quando.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...