uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Repórter da RTP apresentou a I Gala do Desporto

Tânia Ribas de Oliveira praticou ginástica e dança contemporânea
Edição de 18.10.2006 | Desporto
Tânia Ribas de Oliveira, repórter do programa “Só Visto!” e de outras operações especiais da RTP, foi a apresentadora da Primeira Gala do Desporto de Santarém. De sorriso contagiante, distribuiu simpatia, entrevistou os convidados especiais e lançou os vários momentos de animação.A apresentação deste tipo de eventos é mais ou menos frequente na vida da apresentadora, de 30 anos que muita gente não sabe mas tem uma ligação muito grande ao desporto. Durante mais de duas décadas praticou ginástica rítmica com aparelhos e dança contemporânea numa classe de demonstração do Sporting Clube de Portugal e participou em cinco Gymnaestradas mundiais.“Sou adepta do desporto desde tenra idade porque acredito que o equilíbrio físico contribui muito para o equilíbrio emocional e para o crescimento interior das crianças enquanto pessoas mais saudáveis no futuro”, disse a O MIRANTE.Namorada de um desportista, o judoca João Cardoso, que também esteve na gala, nos últimos tempos Tânia Ribas de Oliveira tem estado um pouco afastada do desporto mas já prometeu ao namorado que vai voltar ao ginásio.O espírito de grupo é uma das coisas que mais a atrai no desporto e foi por isso que durante 25 anos praticou ginástica e dança. “São amigas que eu tenho desde os cinco anos e que ainda hoje guardo”, garante.Para a apresentadora, a ideia de que só os futebolistas podem ser vedetas está completamente errada. “Há muitas estrelas fora do futebol só que retiram-lhe o brilho. E a meu ver até são estrelas com brilho interior muito maior porque embora tenham pouquíssimas ajudas continuam a lutar por um lugar em nome de um pais que não os reconhece”.“A imprensa desportiva também tem um pouco culpa disso porque o Nuno Delgado, que até é de Santarém, nunca teve uma manchete num jornal desportivo. Ao contrário, uma lesão de um futebolista num treino faz logo capa”, analisa a apresentadora, que por isso defende este tipo de iniciativas como a Gala do Desporto de Santarém.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...