uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Treinadores gostaram da exibição das suas equipas

Edição de 18.10.2006 | Desporto
Vítor Alves e Cláudio Madruga gostaram das exibições das suas equipas. Para o treinador do Riachense, a sua equipa fez o que podia para vencer e só não ficou com os três pontos porque não conseguiu concretizar as oportunidades que dispôs. “O futebol é mesmo assim. Não conseguimos marcar e o resultado ficou 3-0. É um exagero”, disse com alguma resignação.Cláudio Madruga admite que as duas derrotas consecutivas da sua equipa por 3-0 podem deixar marcas, mas acredita que com muito trabalho, os erros vão ser rectificados. “Cometemos erros quase infantis, quer a defender quer a atacar, e assim é difícil vencer”, referiu. Por sua vez o técnico do Monsanto, Vítor Alves, considera que os seus jogadores limparam um pouco a imagem que tinham deixado na jornada anterior. “Hoje demonstrámos aqui que esse foi um percalço que esperamos não se repita”, disse.Para o técnico do Monsanto, que confessou também ele estar ainda a adaptar-se ao futebol praticado na terceira divisão nacional, a vitória foi justa, embora por números algo exagerados. “O Riachense mostrou que tem uma boa equipa e dificultou-nos a vitória. Felizmente conseguimos concretizar algumas oportunidades e a vitória é perfeitamente justa, mas o nosso adversário merece o nosso aplauso, e acredito que vai sair da situação em que se encontra, a curto prazo”, referiu.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...