uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Cidadãos esclarecem dúvidas sobre administração de condomínios

“Encontros com Sumo” em Vila Franca de Xira

Os problemas dos condomínios estiveram em debate em Vila Franca de Xira. A DECO esclareceu algumas dúvidas.

Edição de 31.10.2006 | Sociedade
“O que fazer quando não pagam as quotas?”, “se rebentar um cano, quem é que paga?” ou “o que fazer quando o vizinho faz barulho à noite?” foram algumas das perguntas que tiveram resposta num encontro sobre a vivência em condomínio, no sábado em Vila Franca de Xira.As cerca de duas dezenas de pessoas que passaram uma parte da tarde no auditório da Biblioteca Municipal de Vila Franca de Xira não chegaram para encher a sala mas foram mais do que suficientes para animar uma discussão que se prolongou por duas horas.Para Ana Silveira, advogada da DECO Proteste que moderou o debate, estes são muitas vezes “problemas pequeninos mas de difícil solução”. “Somos confrontados quase diariamente com diversas questões relativas ao condomínio”, acrescentou.“Viver em Condomínio” foi o tema do primeiro “Encontro com Sumo”, uma discussão informal e descontraída que teve como objectivo esclarecer as dúvidas dos cidadãos sobre questões relativas à administração de um prédio ou conjunto de prédios.A plateia era diversificada, de jovens a idosos, condóminos, administradores de condomínio ou representantes de empresas de gestão de condomínios. Na mesa, ao lado da moderadora estavam Isabel Araújo, do CIAC – Centro de Informação Autárquico ao Consumidor e o vereador Vale Antunes, que saiu a meio do encontro por ter outros compromissos.A advogada da DECO começou por alertar que este assunto dos condomínios “é sempre matéria que traz algumas controvérsias”. De facto, foram várias as questões ali trazidas pelos cidadãos, desde dúvidas em relação ao pagamento de quotas até questões relacionadas com a lei do ruído, passando por problemas relativos a obras nos prédios.Alexandra Dinis e o marido estão na administração do condomínio do prédio onde vivem há cerca de nove meses. Para Alexandra, esta sessão “foi muito importante, só é pena ter durado pouco tempo”. “Há muita informação que nos chega detrás e que não é certa, acabámos por verificar hoje que há muitas informações que nos foram transmitidas erradamente e, por isso, o encontro foi muito interessante”, acrescenta.Os “Encontros com Sumo” são o resultado de um protocolo entre a DECO, a Área Metropolitana de Lisboa e as câmaras municipais. Este foi o primeiro encontro no concelho de Vila Franca de Xira. O próximo está já agendado para 23 de Novembro, na biblioteca de Alverca, e terá como tema as facilidades no acesso ao crédito.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...