uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Secundária de Azambuja na lista das melhores escolas a nível nacional

Secundária de Azambuja na lista das melhores escolas a nível nacional

Aposta nas novas tecnologias e estabilidade do corpo docente contribuíram

Na Escola Secundária de Azambuja já não existe livro de ponto. As entradas dos alunos são controladas por cartão magnético. A escola tem colocado as novas tecnologias ao serviço do ensino e figura entre os 35 melhores estabelecimentos públicos no ranking nacional.

Edição de 31.10.2006 | Sociedade
O livro de ponto foi substituído por controlo informático das presenças, as entradas e saídas dos alunos são registadas magneticamente e as compras no bar são feitas com recurso a um cartão tipo Multibanco recarregável. Estas são apenas algumas das inovações introduzidas pela Escola Secundária de Azambuja este ano, mas que podem ajudar a explicar a boa classificação da escola no ranking nacional que a coloca entre as 35 melhores escolas públicas a nível nacional. Os dados constam do ranking publicado no semanário Expresso e incidem sobre as notas dos exames do 12 º ano realizados em Junho, a partir de informação disponibilizada pelo Ministério da Educação.“À nossa frente estão apenas colégios e algumas escolas públicas, todas de centros urbanos ou capitais de distrito”, explica o presidente do Conselho Executivo da Escola Secundária de Azambuja, José Manuel Franco, sublinhando que o estabelecimento de ensino é o único com características sociais de área suburbana. Ainda assim atingiu o segundo melhor resultado da área de abrangência de O MIRANTE, só ultrapassado pelo Centro de Estudos de Fátima. O esforço da escola no sentido da modernização é determinante para envolver a comunidade educativa no projecto. Desde os alunos aos professores, passando por auxiliares de acção educativa e encarregados de educação. A motivação e estabilidade do corpo docente são factores que também concorrem para os bons resultados atingidos, analisa José Manuel Franco, pelo quinto ano consecutivo à frente da escola.O responsável confirma que a escola tem melhorado a classificação de ano para ano, mas revela que a Escola Secundária de Azambuja não trabalha apenas para estes números. “Mas claro que ficamos satisfeitos por obter esta classificação”, reconhece. Nos últimos anos mais de 90 por cento dos alunos que se candidatam ao ensino superior são admitidos na universidade. E é a grande maioria, garante José Manuel Franco.A escola faz questão de participar em intercâmbios com escolas estrangeiras, como é o caso do projecto com a escola da Roménia, e tem em funcionamento cursos tecnológicos e profissionais para permitir aos alunos entrada directa no mercado de trabalho.Os estudantes não têm dúvidas em relação ao segredo do sucesso: os professores. Não foi por acaso que Catarina Canteiro, aluna do 9º ano, transferiu a matrícula de Aveiras de Cima para Azambuja. “Os professores são interessados e isso motiva-nos”, opina.João Patrício, aluno do 8º, e André Cavaleiro, 12º ano, são da mesma opinião. Um bom corpo docente é meio caminho andado para o sucesso de uma escola.Ana Santiago
Secundária de Azambuja na lista das melhores escolas a nível nacional

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...