uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Coruche anuncia construção de quatro ETAR este ano

Edição de 14.02.2008 | Sociedade
Zona Industrial do Monte da Barca, Azervadinha, Montinhos do Pegos, Rebocho, Salgueirinha, Branca, Couço, Lagoíços, Santa Justa e Santana do Mato são as localidades do concelho de Coruche que vão ser abrangidas pelas quatro novas estações de tratamento de águas residuais (ETAR) que a Câmara de Coruche quer começar a construir este ano. Um investimento total que ronda sete milhões de euros a concretizar no âmbito do projecto “Águas do Ribatejo”.Segundo nota da autarquia, a abertura dos concursos públicos para a construção destas infra-estruturas já foi aprovada pela Comunidade Urbana da Lezíria do Tejo (CULT), restando esperar pelo decorrer do processo burocrático. A ETAR que vai servir a Zona Industrial do Monte da Barca e ainda as populações da Azervadinha, Montinhos dos Pegos, Rebocho e Salgueirinha é a de maior dimensão, devendo custar quase 3,5 milhões de euros. Na Branca e Santana do Mato os equipamentos estão orçamentados em 550 mil euros cada um. O sistema que irá servir o Couço, Lagoíços e Santa Justa tem um custo estimado de 1,9 milhões de euros.Entretanto está a ser concluída a construção da ETAR de Coruche, prevendo-se que no final de Fevereiro a empreitada seja entregue à autarquia. Para o presidente da Câmara de Coruche, a construção de novas ETAR no concelho é um objectivo que tem sido perseguido desde que chegou à autarquia em 2001. E que, para Dionísio Mendes (PS), vai trazer “mais qualidade de vida para as populações, mais atenção ao ambiente, mais argumentos para fixar pessoas e investimentos neste concelho”.O autarca ressalva que as restantes freguesias não foram esquecidas e que está a ser estudada a melhor maneira para se avançar com a construção das ETAR do Biscainho, Erra, Fajarda e Lamarosa.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...