uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Bandarilheiro e forcado capturam toiro tresmalhado nos campos da lezíria

Bandarilheiro e forcado capturam toiro tresmalhado nos campos da lezíria

Outros dois animais foram conduzidos para a herdade no meio de cabrestos
Edição de 21.02.2008 | Sociedade
O bandarilheiro Nuno Gonçalves e o forcado dos Amadores de Coruche Marco Mendes protagonizaram uma cena digna das arenas em plena lezíria ribatejana durante a manhã de quarta-feira, 13 de Fevereiro. Um novilho e dois toiros tresmalharam-se da herdade da ganadaria Herdeiros de Infante da Câmara, em Vale de Figueira, concelho de Santarém, cerca das 08h30. Os dois elementos do mundo da festa brava, funcionários daquela casa, foram chamados para ajudar a resolver a situação e cumpriram. Dois dos toiros foram encaminhados com a ajuda de campinos e um jogo de cabrestos de volta para a herdade. O novilho escapou-se para perto do Reguengo do Alviela. Foi lá que Nuno Gonçalves e Marco Mendes saíram de um jipe em pleno campo. O bandarilheiro, de capote na mão, correu na direcção do toiro deu-lhe dois ou três lances de capote e conseguiu rabejá-lo (pegá-lo pelo rabo). O forcado apareceu depois para agarrar o animal e derrubá-lo. Segundos depois outras pessoas que seguiam de perto a cena conseguiram atar as patas do novilho e controlá-lo. Pouco depois, o animal foi transportado para dentro do reboque de um tractor, levado para a herdade e solto. Pouca gente se apercebeu da situação passada a cerca de quatro quilómetros de Vale de Figueira. A captura dos animais durou até à uma da tarde.“De vez em quando acontece algum toiro fugir, seja porque salta a vedação ou encontra algum buraco na rede. Com quatro ou cinco cavalos consegue-se levá-lo de regresso à cerca. Ainda bem que correu tudo bem com este animal, um novilho com cerca de dois anos e 300 quilos”, explicou Nuno Gonçalves a O MIRANTE. Nuno Gonçalves tem 28 anos e há sete que é bandarilheiro. Passou por diversas quadrilhas de toureiros e cavaleiros conhecidos. De Pedrito de Portugal, José Luís Gonçalves, passando pelos cavaleiros Ana Batista, José Manuel Duarte, Marco José, até à actual, com Tito Semedo.
Bandarilheiro e forcado capturam toiro tresmalhado nos campos da lezíria

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...