uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

O Clube de Andebol de Salvaterra de Magos celebra sexto aniversário

Edição de 23.04.2008 | Desporto
O Clube de Andebol de Salvaterra de Magos (CAS), está a comemorar o sexto aniversário, e o maior motivo de comemoração é poder orgulhar-se de apresentar todos os escalões de formação até aos juvenis.O clube começou há seis anos com apenas uma equipa, um treinador e cerca de 10 atletas todos eles muito novos, com idades compreendidas entre os 9 e os 10 anos. Os atletas com quem o clube começou não abandonaram a modalidade nem o clube e neste momento a sua maioria forma o núcleo duro da equipa de juvenis (a mais velha no clube), o treinador de então continua à frente da equipa de infantis.Contando com apenas seis anos, o CAS, teve já alguns bons momentos, assim como excelentes resultados. Todos os escalões já representaram o clube e a terra nos nacionais, tanto da 1ª como da 2ª divisão nacional. Há duas épocas, a equipa de iniciados garantiu a subida à primeira divisão assim como a presença na fase final, onde se disputava o título de campeão nacional da 2ªdivisão.Actualmente, no CAS os minis disputam o campeonato regional, os infantis foram os vencedores do torneio de abertura do campeonato regional só com vitórias, estando agora à 4ªjornada do campeonato regional em 1º lugar só com vitórias.Os iniciados disputam a fase intermédia do campeonato nacional da 1ªdivisão, fase essa que dá acesso à fase do apuramento de campeão nacional, depois de terem vencido a primeira fase do campeonato nacional da 1ªdivisão, jogam agora com alguns dos melhores clubes nacionais (Benfica, Belenenses, Sporting).Os juvenis, depois de terem falhado a subida à primeira divisão nacional, disputam agora a segunda, onde tem aspirações a passar à fase seguinte, fase do apuramento de campeão da 2ª divisão nacional.O CAS conta no dia do seu aniversário, 24 de Abril, passado seis anos da sua fundação, com quatro técnicos, um para cada escalão de formação, com um seccionista por escalão e com cerca de 80 atletas espalhados por todos os escalões.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...