uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Construção do Centro de Saúde de Vila Franca arranca em 2009

Construção do Centro de Saúde de Vila Franca arranca em 2009

Utentes vão enfrentar mais dois anos de espera em instalações precárias

O novo edifício do centro de Saúde de Vila Franca de Xira, que vai começar a ser construído em 2009, vai ter duas unidades de saúde familiar para atender cerca de 20 mil utentes. Até lá os utentes vão ter que continuar a utilizar um espaço sem acessibilidades.

Edição de 30.04.2008 | Sociedade
Os utentes do Centro de Saúde de Vila Franca de Xira vão ter que esperar mais dois anos para poder usufruir do novo Centro de Saúde da cidade que vai começar a ser construído em 2009. A informação foi dada pela presidente do município de Vila Franca de Xira durante a assinatura do contrato programa para construção do equipamento, na quarta-feira, 23 de Abril, no salão nobre dos paços do concelho. A nova unidade de saúde, que será construída junto ao quartel dos bombeiros voluntários de Vila Franca – um terreno cedido pela câmara - vai ocupar uma área de 1500 metros quadrados. O investimento ronda os dois milhões de euros. O edifício vai funcionar com duas unidades de saúde familiar para atender os cerca de 20 mil utentes.O actual centro de saúde da cidade, que funciona em condições precárias, está dividido por dois espaços. Um na avenida Almirante Reis e outro na rua 1º de Dezembro, junto à linha do comboio. Funciona em apartamentos há cerca de três décadas. As condições não são as melhores e os utentes são os principais prejudicados. As escadas de acesso são um dos maiores obstáculos dos utentes. As macas não entram, apenas as cadeiras de rodas.Augusta Feliciano, 64 anos, vive em Vila Franca há mais de 40 anos. Tem problemas de diabetes e tensão alta. Sempre que necessita de recorrer ao centro de saúde é um drama. “O serviço é muito demorado e o edifício não tem condições para tratar os doentes. A culpa não é dos médicos nem dos funcionários, mas já falam no novo centro de saúde há tantos anos e nunca mais começam com as obras”, lamenta. Maria José Oliveira, 53 anos, tem cuidado com a saúde, mas só recorre aos médicos em último caso. “Vila Franca necessita urgentemente de um novo espaço de atendimento de saúde”, reclama.Também Eduardo Salgueiro, 67 anos, se queixa do mesmo. Todas as vezes que tem que se deslocar ao Centro de Saúde de Vila Franca já sabe que não pode ter outros compromissos. “Como o serviço é lento a sala de espera deveria ter melhores condições”, diz, salientando que as culpa não cabem aos profissionais de saúde, mas a quem não avança com a construção do novo edifício.
Construção do Centro de Saúde de Vila Franca arranca em 2009

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...