uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Obras obrigam a mudanças de local da Feira de Santa Iria e da Feira das Passas

Obras obrigam a mudanças de local da Feira de Santa Iria e da Feira das Passas

Marmelais de Cima e Praça de República vão acolher os eventos que decorrem em Outubro
Edição de 10.07.2008 | Economia
A Feira de Santa Iria, que se realiza anualmente em Tomar, vai transferir-se este ano para um terreno privado localizado em Marmelais de Cima. Em paralelo, a Feira das Passas, que habitualmente se realizava na Várzea Grande e na Rua dos Arcos passa a funcionar na Praça da República. As mudanças foram anunciadas recentemente pelo vereador Ivo Santos, responsável pelo pelouro das Feiras e Mercados. Segundo o vereador social-democrata, esta é uma mudança a pensar nas condicionantes actuais uma vez que toda a zona circundante ao Flecheiro, à rotunda Alves Redol e Várzea Grande se encontra transformada num estaleiro devido às obras de construção da nova ponte sobre o Nabão, limitando o estacionamento e a circulação automóvel nestes sítios. Também a Feira das Passas muda de local a pensar na sua renovação uma vez que a organização vinha a receber críticas no sentido de que, ano após ano, “vinha a decair de qualidade”. O autarca considera esta mudança como “uma alteração histórica” uma vez que a Feira das Passas regressa à Praça de República, tal como acontecia no início do século XX com a Feira Franca. Em declarações a O MIRANTE, Ivo Santos explicou que em Tomar não existe nenhum terreno camarário com área suficiente para instalar a Feira de Santa Iria pelo que a única possibilidade passou por alugar o terreno em Marmelais de Cima, com cerca de 7,8 hectares, e onde vão ser colocados os divertimentos, as tasquinhas e os vendedores ambulantes. O terreno apresenta alguns declives necessitando ainda de ser terraplanado e de sofrer pequenas interveções a nível de limpeza. Uma situação que o vereador considera “vantajosa” uma vez que passa a existir mais espaço para o parqueamento automóvel, com cerca de 40 mil metros quadrados. Para quem não tem carro, a autarquia considera ainda a hipótese de vir a transportar gratuitamente as pessoas da cidade até Marmelais de Cima nos transportes urbanos. “O ideal seria existir um Parque de Feiras em Tomar para a realização deste tipo de certames. Como não temos, esta foi a solução encontrada”, justifica, acrescentando que a Feira de Santa Iria na Várzea Grande “é um modelo esgostado”. Em relação à Feira das Passas passar a ser realizada em pleno centro histórico de Tomar, Ivo Santos refere que a ideia foi acolhida com muito entusiamo pela associação de comerciantes uma vez que vai trazer, nestes dias, outra dinâmica ao comércio local. A Feira de Santa Iria e a Feira das Passas, as duas feiras mais tradicionais de Tomar, realizam-se em simultâneo, entre 17 e 26 de Outubro.
Obras obrigam a mudanças de local da Feira de Santa Iria e da Feira das Passas

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...