uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Vive há meses com os esgotos dos vizinhos a correr pelo quarto

Vive há meses com os esgotos dos vizinhos a correr pelo quarto

Morador do bairro de São Domingos critica falta de actuação da Câmara de Santarém
Edição de 17.07.2008 | Sociedade
António Duarte Baptista vive há quase seis meses com os detritos dos esgotos de um prédio vizinho a infiltrarem-se na sua casa. “É um pivete que não se pode. É um caso de saúde pública a que os responsáveis camarários continuam a fechar os olhos”, referiu a O MIRANTE.Segundo António Baptista, que vive na Avenida Nossa Senhora de Fátima, no bairro de São Domingos, em Santarém, tudo começou com a construção de um prédio na Praceta Professor Bernardino de Almeida Ferro. “Comecei a ter infiltrações nas paredes da minha casa, chamei a atenção dos responsáveis e foram feitas vistorias por parte da Câmara de Santarém e companhia de seguros, chegando-se à conclusão de que a ligação dos esgotos do prédio vizinho para o colector geral tinha sido mal feita e provocava fugas de detritos para o meu apartamento”.A última vistoria foi feita no mês de Fevereiro. E segundo António Baptista todas as entidades - administração do condomínio do prédio vizinho, seguros e Câmara Municipal de Santarém - concordaram que era necessário resolver o problema, fazendo uma nova ligação ao colector geral. “Até aí tudo bem, o administrador do condomínio solicitou a nova ligação à Câmara de Santarém, que até hoje não mais se pronunciou sobre o assunto”.Entretanto o problema agravou-se e os esgotos já correm livremente por dentro do quarto da casa de António Baptista, que garante que já se dirigiu à Câmara de Santarém uma centena de vezes. “Em Fevereiro estiveram no local e disseram que iam mandar arranjar, daí para cá nunca mais apareceu ninguém. E quando me dirijo à câmara os responsáveis nunca estão disponíveis para me ouvir. Não sei o que se passa, mas a verdade é que isto é um caso de saúde pública que tem que ser resolvido rapidamente. Eu não posso continuar a viver assim”, diz com um misto de tristeza e revolta.O vereador com o pelouro das obras municipais da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves (PSD), garante que só tomou conhecimento do caso após o contacto de O MIRANTE, e de uma comunicação de António Baptista, feita por correio electrónico, no dia 8 de Julho. “Nunca antes tinha sido contactado sobre o assunto e ainda há poucos dias andámos em S. Domingos a analisar alguns problemas que foram detectados na urbanização”, adiantou. Entretanto apurou que existe efectivamente uma comunicação enviada à empresa municipal Águas de Santarém, entidade que gere agora essas situações, a sugerir a colocação de uma caixa de visita na ligação do ramal do prédio ao colector geral, pelo que acredita que o problema será resolvido em breve.
Vive há meses com os esgotos dos vizinhos a correr pelo quarto

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...