uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Vila Franca de Xira tem nova ligação à A1 para Lisboa

Vila Franca de Xira tem nova ligação à A1 para Lisboa

Acesso vai servir cinco mil veículos por dia

O novo nó de acesso à A1 em Vila Franca de Xira, custou quase quatro milhões de euros e vai servir uma média de cinco mil automóveis por dia.

Edição de 31.07.2008 | Sociedade
Vila Franca de Xira tem um novo acesso à auto-estrada do norte (A1). Com a nova infra-estrutura, localizada junto às instalações da Marinha, os condutores não necessitarão de atravessar toda a cidade para entrar no acesso a Lisboa. Além de evitar o congestionamento do centro vila-franquense, também Alhandra beneficiará das vantagens desta obra cujo custo rondou os 4 milhões de euros. A comparticipação da câmara municipal situou-se nos 816 mil euros. A cerimónia de inauguração foi presidida pelo Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, Mário Lino. A abertura simbólica de uma das cancelas da portagem marcou a cerimónia onde estiveram presentes perto de uma centena de convidados, entre empresários da região, detentores de cargos públicos e alguns populares.A construção do acesso agora inaugurado durou quase nove meses e foi fruto de um protocolo estabelecido entre a Brisa e o município de Vila Franca de Xira.A ocasião permitiu ainda ao membro do Governo anunciar um pacote de medidas para a zona, onde se destaca a “luz verde” à construção do futuro nó de Castanheira do Ribatejo e ainda um projecto de beneficiação da estada nacional 1, entre Vila Franca de Xira e Alenquer. O projecto prevê a construção de cinco novas rotundas para melhorar a circulação, construção de mais estacionamentos e a melhoria das acessibilidades existentes. A obra tem conclusão prevista para 2009 e um custo estimado de 4 milhões de euros. “Sempre que venho a Vila Franca a senhora presidente apresenta-me sempre um programa “para a frente”. Estamos a analisar novas acessibilidades, em particular a nova variante de Vila Franca de Xira, que é muito importante. Vai permitir, entre outras coisas, o acesso ao novo hospital. É uma obra de grande importância para esta região”, referiu o ministro.Quanto à possibilidade de isenção de portagens entre Vila Franca de Xira e Alverca para descongestionar a N10 o ministro foi claro: “Não é algo que esteja nos nossos planos por agora”.A presidente da câmara municipal de Vila Franca de Xira, Maria da Luz Rosinha, fez questão de aproveitar o “tempo de antena” concedido na cerimónia de inauguração para relembrar ao membro do executivo as outras necessidades da região.“Não podia terminar sem falar de duas outras acessibilidades por nós pretendidas que o senhor ministro conhece bem: o nó do Sobralinho e o nó dos Caniços. Peço-lhe que compreenda a preocupação de uma autarca em representação de uma população que sempre viu o seu concelho servir a capital”, referiu, salientando o potencial do rio Tejo como via de comunicação.A autarca salientou também que esta nova acessibilidade será muito importante para as quatro a cinco mil pessoas que, todos os dias, usam a A1 para se deslocarem a Lisboa.
Vila Franca de Xira tem nova ligação à A1 para Lisboa

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...