uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Concupiscente Serafim das Neves

Edição de 06.05.2009 | E-mails do outro mundo
O pessoal de Alpiarça já tem algo de que se pode orgulhar. Duas jovens que ali nasceram e floresceram mostraram tudo o que tinham para mostrar na edição portuguesa da Playboy, provando que não há melhor fruta que a daquela pérola do Ribatejo. Agora sempre quero ver se a câmara não lhes dá a Medalha de Ouro do município. Andreia e Telma desunharam-se…perdão…desnudaram-se em prol da sua terra. Fizeram mais por Alpiarça e pela sua promoção que tudo o que já foi feito ate aqui. O senhor que era presidente da câmara e que agora se passou para o turismo pode demitir-se desde já. Por muito que faça – ele que pouco ou nada faz - nunca fará nada que dê tanta visibilidade àquele concelho. Qual Casa dos Patudos, qual carapuça. Entre patudos e peitudas há alguém que hesite?!!E pensar que houve um funcionário da câmara que foi despedido por andar a dizer que os computadores da câmara eram usados para ver pornografia. Readmitam o homem, caraças!!! Ele tinha razão. Para quê andar a pesquisar material nos sites estrangeiros quando em Alpiarça havia material de qualidade muito superior??!!! Readmitam o homem e demitam os políticos todos lá da terra. Deixarem escapar as duas belas alpiarcences para a Playboy é desleixo autárquico ao mais alto nível. Um crime de lesa município!A malta nova lá da terra também pode limpar as mãos à parede. Como é que foi possível não ter notado que estavam em presença de material de primeira? Os rapazes de Alpiarça andam ceguinhos??!! Ou será que elas consideraram que eles não estavam à altura dos seus dotes??!! Oh Diabo!!! Se foi isso ainda é pior. E o PS lá do sítio é outra lástima. Pôr a Vanda Nunes de lado e escolher a Sónia Sanfona para candidata à câmara quando tinha à mão de semear, salvo seja, duas opções como a Andreia e a Telma, é nabice política que deve ser castigada nas urnas. Os eleitores de Alpiarça não podem deixar passar isto em claro. Os efeitos colaterais da aparição das belezas de Alpiarça nas páginas da revista também se vão fazer sentir. Será que, a partir de agora, Almeirim se atreverá a dizer que tem os melhores melões do Ribatejo?!! E poderão continuar a existir caralhotas naquele concelho sem a benção das desnudadas?!!Serafim, há um outro assunto em que tenho andado a matutar. E também tem a ver com carne. Trata-se do festival gastronómico “Sabores do Toiro Bravo” que decorre de 8 a 10 de Maio em Coruche. Transformar toiros de lide em bifes não é coisa que se faça. É amaricar aqueles nobres animais. Um toiro bravo é algo que se deve consumir no sítio certo. Numa praça de toiros. E come-se cru, com cornos e tudo. Sem talheres nem mostarda. Como é que um concelho como Coruche com tradições taurinas, pode fazer aquilo a tão nobres animais??!! Comer um naco de toiro bravo grelhado, de faca e garfo, sem antes ter ganho esse direito com bravura enfrentando e vencendo a fera, não devia ser permitido. Um toiro bravo ao saber de tal coisa deve sentir-se como aquele leão moribundo que aguentou ser maltratado e insultado pelos animais que passavam mas que ao ver aproximar-se o burro e temendo que este lhe viesse dar um par de coices rugiu, num último suspiro: “Antes a morte que tal sorte!!”Um abraço playbóico Manuel Serra d’Aire

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...