uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Novo lar no Entroncamento dá resposta a duzentos idosos

Novo lar no Entroncamento dá resposta a duzentos idosos

Valência foi inaugurada pelo primeiro-ministro numa visita relâmpago que fez à cidade
Edição de 06.05.2009 | Sociedade
Pouco mais de um ano decorrido desde o início da obra, foi inaugurado no sábado, 2 de Maio, o novo Lar da Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento que se apresenta com uma resposta para cerca de 200 idosos: 60 em regime de residência, 50 em Centro de Dia e 80 em apoio domiciliário. Estas duas últimas vertentes encontram-se ainda com dezenas de vagas por preencher, existindo igualmente algumas oportunidades para internamento. O equipamento foi inaugurado pelo primeiro-ministro, José Sócrates, e foi considerado pelo secretário de Estado da Segurança Social, Pedro Marques, como a “primeira grande obra” do Programa PARES a ficar concluída, sendo a mesma representativa de uma “nova geração de lares para idosos”. A valência, um edifício amplo que ocupa uma área total de 9.133 metros quadrados, localiza-se na rua Maria Serrana, na zona norte da cidade, junto à estrada da Barroca. O espaço envolvente contempla uma vasta área ajardinada com bancos para descanso. O outro Lar da Terceira Idade da Misericórdia, a quem foi dado o nome de Fernando Eiró Gomes, vai continuar a funcionar na cidade. Os utentes vão ser transferidos para as novas instalações a partir de 11 de Maio.O novo lar custou cerca de 2,5 milhões de euros. Foi comparticipado em 1,2 milhões pela administração central e com 800 mil euros pela Misericórdia através de recurso a crédito bancário. A Câmara Municipal do Entroncamento contribuiu com a cedência do terreno e apoio técnico. A valência vai permitir a criação de cerca de duas dezenas de postos de trabalho e, segundo o provedor da Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento, Manuel Fanha Vieira, “trata-se de um equipamento de construção de muito boa qualidade, com salas amplas e quartos confortáveis”, acrescentando que a cozinha está preparada para fornecer até 600 refeições por dia. A presença de José Sócrates, denunciada pelo aparato mediático montado à porta da instituição, constituiu uma surpresa para muitos dos presentes dado que o convite enviado às redacções anunciava que a valência ia ser inaugurada pela secretária de Estado adjunta e da Reabilitação, Idália Moniz.O presidente da Câmara do Entroncamento, Jaime Ramos (PSD), reportou-se à inauguração do novo lar como “um sonho tornado realidade”. O autarca frisou a estreita colaboração que tem existido entre a autarquia e a Santa Casa da Misericórdia com vista a permitir a criação de melhores condições para a população idosa do concelho, razão pela qual a autarquia cedeu o terreno. Jaime Ramos terminou a sua intervenção homenageando o provedor Manuel Fanha Vieira “cuja visão e sentido empreendedor tornaram esta obra possível”. A cerimónia terminou, já sem José Sócrates e a sua comitiva, com um almoço convívio no interior das instalações, que agregou centenas de convidados.
Novo lar no Entroncamento dá resposta a duzentos idosos

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...