uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Comandante da GNR e atleta com um ano de corridas vencem 5.ª edição da Travessia das Pontes

Comandante da GNR e atleta com um ano de corridas vencem 5.ª edição da Travessia das Pontes

António Santos e Ana Duarte venceram a corrida que ligou Almeirim-Santarém-Almeirim com passagem nas pontes Salgueiro Maia e D. Luís
Edição de 27.05.2009 | Desporto
O comandante do Posto de Almeirim da GNR venceu o sector masculino da 5.º edição da Travessia das Pontes, que ligou Almeirim-Santarém-Almeirim pelas pontes Salgueiro Maia e D. Luís numa distância de cerca de 22,5 quilómetros. António Santos (Alvitejo) cumpriu o percurso em 1:20:41 horas, chegando quatro segundos à frente de António Pais (Alvitejo). A 20 segundos chegou em terceiro Luís Mota (U. Tomar).No sector feminino Ana Duarte (Alvitejo) foi a primeira das mulheres a cortar a meta no 34.º lugar da geral, com 1:44:23 segundos, seguida de Ana Vieira (individual) a 5.25 minutos e Rute Sousa (CUAB) a mais de oito minutos. O curioso é que para os vencedores o hábito de correr começou por estar ligado à vontade de emagrecer e estar bem fisicamente. Natural de Ponte Lima, a residir no Forte da Casa e como comandante do posto de Almeirim da GNR António Santos mostrou que é um operacional em forma.“Corro essencialmente para o bem-estar. Tenho 41 anos e comecei a correr regularmente por ter 80 quilos e sentia-me péssimo. Aconselho a todos os que queiram emagrecer, primeiro a entrarem em caminhadas, depois começarem a correr”, explica António Santos.Quanto à corrida o comandante vigiou sempre os adversários no terceiro lugar até fazer o ataque decisivo. “É sempre uma vitória sofrida. Conhecia os atletas, que raramente me ganham, mas fiz sábado uma prova em Alenquer com 35,10 minutos aos 10 quilómetros e esta foi mais uma prova que comecei desde Março, após lesão. O percurso é bom à excepção daquela subida enorme para Santarém, bem empinada quando chegamos à estátua do Salgueiro Maia, mas todos a fazem. Em Almeirim, junto à praça da República dei um sprint um pouco cedo mas consegui chegar em primeiro”, analisou após cortar a meta. E já antes da prova tinha feito um briefing com os guardas do posto para definir estratégias na estrada.Ana Duarte, de Almeirim, começou há ano e correr e por razões válidas. “Comecei a praticar atletismo para acompanhar o meu filho nas corridas que precisava de emagrecer. Ficou o bichinho e continuei. A primeira experiência foi com 15 quilómetros, agora fiz estes 20 quilómetros, quer dizer que posso continuar”, disse com satisfação. Para a atleta a prova foi dura sobretudo na subida para Santarém, “porque de resto é emocionante ver a paisagem a pé desde as pontes”, confessou Ana Duarte. Participaram na 5.ª Travessia das Pontes 464 atletas, dos quais muitos foram caminheiros que apenas fizeram um percurso a andar de Almeirim até Santarém, na distância de 12 quilómetros. Na prova principal participaram atletas femininos e masculinos, desde os seniores até aos veteranos com mais de 60 anos.Shakira também correu a Travessia das PontesDois dos concorrentes da prova destacaram-se dos restantes. José Silva, de Alcanhões, alinhou pela equipa “Os Santarenos”. Sempre atrás de si seguiu Shakira, uma maravilhosa e felpuda...cadela de raça pastor alemão. Ainda que não lhe tenha sido atribuído dorsal a Shakira bem merecia a inclusão da categoria de canídeos na prova tal foi a prestação que teve atrás do seu dono ao longo de 22,5 quilómetros. José Silva cruzou a meta em 14.º lugar logo seguido da fiel amiga. Para o atleta a cadela já vem sendo uma companhia habitual. “Costuma treinar sempre comigo e desta vez resolvi traze-la porque é uma prova com menos gente e menos confusão. Ela gosta também de correr, está sempre pronta. Foi habituada desde pequena”, conta José Silva.Que questionado se mais de 20 quilómetros não é puxado para a Shakira, referiu que, não estando muito calor, ela se aguenta bem e até na subida para Santarém. “Também já participou nos 20 KM de Almeirim e numa prova em Vila Franca de Xira”, revela.
Comandante da GNR e atleta com um ano de corridas vencem 5.ª edição da Travessia das Pontes

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...