uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Valada recebeu com entusiasmo provas dos campeonatos nacionais de motonáutica

Valada recebeu com entusiasmo provas dos campeonatos nacionais de motonáutica

Acidentes no Grande Prémio do Cartaxo obrigaram à suspensão de algumas provas
Edição de 28.05.2009 | Desporto
Valada voltou a receber provas nacionais de motonáutica. As águas do rio Tejo, ao largo desta aldeia ribeirinha, foram o campo de manobras da segunda jornada do Campeonato Nacional/Grande Prémio do Cartaxo, que colocou em competição, no dia 23, os Rádiocontrolados (representados nas categorias FSR-V ECO, FSR-V 7,5/15, FSR-V 3,5 e FSRF1) e no dia 24 os S 850 (catamarans), T 850 (monocascos) e PR 750 (semirígidos).No dia 21 disputou-se o Campeonato Nacional de Fórmula Futuro, no qual jovens dos 8 aos 16 anos puderam iniciar-se no desporto motonáutico. Com esta acção, a Federação Portuguesa de Motonáutica pretende motivar os mais novos para a modalidade, sendo os melhores jovens pilotos destacados para participarem nas diversas provas de âmbito nacional. Na classe PR 750 estava prevista uma luta intensa entre a actual líder do Campeonato, Maria João Gonzaga Ribeiro e o detentor do ceptro, André Ramos Correia, mas a volta de arranque da manga inicial ditou a história da corrida, com o aparatoso acidente entre Luís Carlos Guerra e Inês Ramos Correia, em que o barco comandado pelo piloto de Figueira de Castelo Rodrigo abalroou a embarcação da jovem algarvia. A prova foi de imediato interrompida, com as equipas de salvamento da F.P.M. e dos Bombeiros Municipais a actuarem prontamente, numa excelente coordenação entre os meios em terra e na água, que permitiu o rápido resgate dos acidentados, com os dois pilotos a serem transportados ao hospital de Santarém para observação e realização de exames médicos. O incidente levou ao cancelamento das duas mangas previstas para esta classe.Na classe T 850 António Gonzaga Ribeiro arrecadou o triunfo no Grande Prémio do Cartaxo e com este resultado assumiu a liderança do Nacional. A segunda manga da prova ficou marcada pelo acidente do espanhol Guillermo Fiol, que levou à interrupção da corrida, logo na primeira volta, sem consequências graves para o piloto, mas que ainda assim teve que receber assistência no hospital. Na classe S 850 problemas com o motor do barco voltaram a ensombrar o desempenho de Pedro Fortuna, forçado a desistir na volta inicial da primeira manga. Com Luís Miguel Ribeiro na frente da corrida, a discussão pelos lugares seguintes ficou a cargo de Diogo Gonzaga Ribeiro e Paulo Raposo. No arranque da segunda manga, e solucionada a avaria, Pedro Fortuna foi recuperando posições e concluiu o percurso em terceiro lugar. Resultado, no entanto, insuficiente para garantir um lugar no pódio, ocupado por Paulo Raposo e Diogo Gonzaga Ribeiro posicionados na segunda e terceira posição, respectivamente, numa jornada em que Luís Miguel Ribeiro fez jus ao título de Tri-Campeão Nacional que ostenta e venceu com naturalidade este Grande Prémio.
Valada recebeu com entusiasmo provas dos campeonatos nacionais de motonáutica

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...