uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Criança das Curvaceiras espancada pelo padrasto ficou à guarda de avó

Menor de dez anos deu entrada no Hospital de Tomar com vários ferimentos
Edição de 27.05.2009 | Sociedade
Uma menina de dez anos, moradora nas Curvaceiras, freguesia de Paialvo, concelho de Tomar, foi sovada com violência pelo padrasto na noite do passado domingo, 24 de Maio. Segundo O MIRANTE apurou junto de moradores, a criança vivia com a mãe e uma irmã de 6 anos nesta aldeia desde Setembro. No domingo, cerca das 22h00, foi espancada pelo padrasto, um homem com cerca de 35 anos, por ter defendido a mãe que também estava a ser alvo de violência doméstica por parte do homem, funcionário da Câmara Municipal de Tomar. Com dores, a menina, asmática, correu a pedir ajuda aos vizinhos que chamaram as autoridades e os Bombeiros de Tomar que a transportaram para o hospital da cidade onde deu entrada cerca das 23h45. Na altura das agressões, o homem encontrava-se alcoolizado. A mãe das crianças continua na sua companhia. Contactada pelo nosso jornal, fonte da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Tomar confirmou que o caso já está sinalizado encontrando-se a criança, bem como a sua irmã mais nova, aos cuidados da avó materna na localidade de Santa Marta, Tomar. É o pai que agora vai buscar as meninas à escola. A GNR de Tomar tomou conta da ocorrência e o caso aguarda agora desenvolvimentos processuais.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...