uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Alverca vence Juventude da Castanheira por 2-1 em derby vilafranquense

Alverca vence Juventude da Castanheira por 2-1 em derby vilafranquense

Equipa da casa entrou mal no jogo e aos 12 minutos já perdia por 2-0

Num bom jogo de futebol, o mau início do Juventude acabou por ser determinante para o resultado final. Com 13 jornadas decorridas Alverca soma 30 pontos e está a apenas um dos dois da frente. Castanheira ocupa a 5ª posição com 21.

Edição de 13.01.2010 | Desporto
O Futebol Clube de Alverca (FCA) foi ao terreno do Juventude da Castanheira (JC) vencer o derby vilafranquense por 2-1, num bom jogo de futebol, apesar do muito frio e da chuva que se fizeram sentir na tarde de domingo, 10 de Janeiro.O JC entrou muito mal na partida – também por mérito do adversário que pressionava alto – e aos doze minutos da etapa inicial já perdia por duas bolas a zero. Golos de Bruno aos seis minutos e de um auto-golo de Fábio Rosa, infeliz num corte dentro da pequena área após cruzamento de um adversário. Estavam decorridos apenas doze minutos.A equipa da casa acusou os golos e nos minutos seguintes o FCA podia ter dilatado a vantagem caso a pontaria dos avançados não estivesse desafinada. Só no último quarto de hora é que o JC equilibrou a partida e acabou por cima do adversário, tendo desperdiçado uma boa oportunidade mesmo ao fechar a primeira parte.No segundo tempo as coisas foram bem diferentes. O Alverca a gerir o marcador e o Castanheira à procura de reduzir a vantagem, que podia ter acontecido à passagem do minuto cinco da etapa complementar, quando enviou uma bola à barra. Mas só aos 75 minutos, na conversão de uma grande penalidade, é que Cláudio Franco logrou marcar, relançando a partida.O jogo – que contou com cerca de uma centena de espectadores na bancada e no bar, abrigados da chuva – animou, ganhou emoção e a equipa da casa tentou chegar ao empate. Contudo o marcador não viria a sofrer mais alterações. Registo ainda para a expulsão de um jogador do juventude já nos minutos finais da partida quando o árbitro entendeu que este cometeu falta sobre um adversário que corria isolado para a baliza num rápido contra-ataque.Apesar da derrota o técnico da casa estava orgulhoso dos seus jogadores principalmente pelo que fizeram na segunda parte e falou em alguma falta de sorte. “Entramos mal no jogo e demos 25 minutos de avanço ao adversário. Os dois golos foram determinantes e marcam a partida. Na segunda parte fomos para cima do Alverca mas faltou-nos um pouco de sorte. Penso que o empate seria o resultado mais justo mas parabéns ao Alverca que fez um grande jogo e é um forte candidato à subida”, garante Júlio Alvadia que atribuiu à carga emocional e à juventude da equipa o mau início verificado em várias partidas realizadas esta época.O capitão do FCA era a imagem da satisfação. “Entramos muito fortes e o resultado é justo. Temos um objectivo bem definido que é a subida de divisão. Com este espírito de união, entreajuda e entrega que está a crescer e a ficar mais forte de semana para semana, de certeza que o vamos alcançar”, vaticina Nelson Antunes.Com este resultado o FCA ocupa a terceira posição com 30 pontos, a apenas um dos dois primeiros (Lourinhanense e Vilafranquense) e continua a ter a defesa menos batida do campeonato da primeira divisão da Associação de Futebol de Lisboa com 9 golos sofridos em treze jornadas decorridas. Já a JC está no quinto lugar com 21 pontos.
Alverca vence Juventude da Castanheira por 2-1 em derby vilafranquense

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...