uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Amor à camisola

Edição de 13.01.2010 | Desporto
Investir em mais modalidades será, no entanto, inviável nos tempos mais próximos, ainda que José Luís Ferreira acredite nas potencialidades do futsal e dos ”valores” da região que poderiam vingar nesta área do desporto. Para tal, era necessário alguém com vontade de investir, uma vez que o clube não possui recursos para se manter além do futebol tradicional. Do mesmo modo, a subida de divisão será bem-vinda, mas não existem condições financeiras que resistam a altos voos. “Quem quiser jogar tem que ser por amor à camisola”, reflecte, comentando que o mais importante seria ainda adquirir mais uma ou duas carrinhas.Projectos práticos que não se dissociam do prometido balneário, cujas obras da Câmara foram interrompidas na época das eleições. E, quem sabe, poder montar nessas instalações um ginásio, uma “mais valia” que beneficiaria dos técnicos credenciados do Clube e atrairia mais sócios. Por enquanto, explicou José Luís Ferreira, aguarda-se que a nova administração camarária “arrume a casa” e se torne a retomar o plano, uma vez que não existia protocolo escrito. O espaço, refere, “tinha todos os condimentos para fazer um ginásio de manutenção”. “Esperemos que esta nova Câmara tenha olhos para ver as coisas como deve ser e que nos ajude”, afirma.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...