uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Secção de Natação procura promover a prática desportiva

Edição de 13.01.2010 | Desporto
Em quase 13 anos, a modalidade de Natação do Clube Atlético Ouriense optou por apostar apenas nas áreas de adaptação ao meio aquático, aperfeiçoamento e aulas para adultos, realizando hoje também aulas de hidrofitness. Um projecto que, no geral, visa apenas “incentivar a prática desportiva e promover a vida saudável”, conforme o descreveu o coordenador da secção de Natação, Nuno Lopes. Existindo já uma instituição que promove a natação de competição, investir na área iria acarretar uma disponibilidade que nenhum dos monitores poderia suportar. Deste modo, procura-se somente oferecer, aos interessados, uma pré-preparação para competição, nomeadamente no desenvolvimento de técnicas e resistência. A secção, refere Nuno Lopes, possui 16 jovens e 10 adultos, este último grupo com tendência a decrescer. “A natação na zona de Ourém carece de sensibilização”, aponta, uma vez que o número de pessoas em aula chega a não compensar o preço pago pela utilização das Piscinas Municipais. O problema parece residir na questão financeira (paga-se entre 25 a 28 euros por mês por oito aulas), mas também na fraca valorização das pessoas à despesa realizada no desporto, comentou. Muitas vezes os adultos vêm por grupos, o que beneficia a interacção social, mas também prejudica quando um dos elementos decide faltar. “Depois vem o frio e as pessoas acabam por não vir mais”, nota. Por seu lado, as crianças têm-se mantido fiéis e num número similar ao longo dos anos. Uma ou outra, demonstram até grandes capacidades para prosseguir a outro nível. No futuro, Nuno Lopes gostaria de poder apostar na natação para grávidas e bebés. Porém o clube não possui instalações que permitam essas aulas. “Tudo tem que ser pago”, destaca.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...