uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Bombeiros do Entroncamento recebem auto-escada como prenda de aniversário

Bombeiros do Entroncamento recebem auto-escada como prenda de aniversário

Equipamento oferecido pelo benemérito Francisco Silva vem concretizar sonho antigo

Auto-escada vem colmatar falha, mas corporação confronta-se ainda com falta de ambulâncias e de material de desencarceramento.

Edição de 14.01.2010 | Sociedade
A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Entroncamento comemorou, sábado, 9 de Janeiro, o seu 61º aniversário, tendo sido presenteada com uma auto-escada oferecida pelo benemérito Francisco Silva. As cerimónias, que começaram às 08h00, foram acompanhadas por muitos populares que se quiseram associar à comemoração participando na missa e romagem ao cemitério, que homenagearam os bombeiros e dirigentes já falecidos.Depois de uma guarda de honra de recepção às entidades convidadas, efectuada no Largo Salgueiro Maia, realizou-se a sessão solene, no Cine-Teatro São João, que serviu também para impor condecorações a bombeiros e dirigentes. Na altura, usaram da palavra vários oradores e o comandante do corpo activo, João Pombo, destacou a união existente no seio da corporação e o diálogo constante com a direcção. João Pombo, garantiu que não tem sido fácil a tarefa do comando, referindo-se a alguns problemas surgidos no interior do corpo activo que criou algumas divisões, que acabaram por se estender aos contactos com a própria direcção. “A nossa principal prioridade foi a de consolidar a união nos Bombeiros do Entroncamento. Conseguimos promovendo um diálogo constante com a direcção para encontrarmos soluções para todos os problemas”, disse.O comandante lamentou no entanto, as indefinições ao nível do pessoal, mas garantiu que o futuro está assegurado. “Temos em actividade uma escolinha de Bombeiros, com 21 crianças de tenra idade”, referiu.Por outro lado, João Pombo mostrou a sua satisfação pela concretização de dois sonhos importantes para os Bombeiros do Entroncamento. “Agradecemos ao benemérito Francisco Silva, ter-nos oferecido uma auto-escada, foi um gesto de grande valor, que veio dar uma nova e maior operacionalidade no combate a incêndios. E também fomos finalmente reconhecidos como posto do INEM, recebendo uma ambulância de suporte de vida”, disse satisfeito.Por sua vez o presidente da direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Entroncamento, Filipe Graça, manifestou apreço pelo trabalho efectuado pelo corpo activo e o seu comando. E realçou o empenho de todos os elementos dos orgãos sociais na resolução dos problemas da associação. “Ser dirigente desta associação implica gigantescos sacrifícios pessoais e uma constante luta diária, com enormíssimas contradições entre o servir a população cada vez com mais profissionalismo e meios e as dificuldades financeiras com que sempre nos deparamos”.Filipe Graça, enumerou depois alguns problemas que precisam de ser referidos. “Temos o parque de viaturas muito gasto, precisamos de adquirir a curto prazo um equipamento de desencarceramento. Na área da saúde, o ano de 2009 correu muito mal. Ficámos com alguns veículos inoperacionais e é necessário por isso adquirir três ambulâncias a curto prazo. As instalações precisam de obras urgentes e temos efectivamente de aumentar o número de pessoas a tempo inteiro. Mas para isso faltam-nos meios financeiros. Precisamos da ajuda das entidades nacionais, distritais e locais”, pediu.O presidente da Câmara do Entroncamento, Jaime Ramos (PSD), felicitou os “seus” bombeiros e garantiu que a autarquia vai continuar a apoiar, “como sempre o fez”, destacando ainda o excelente trabalho realizado no apoio dos bombeiros à população do Entroncamento.
Bombeiros do Entroncamento recebem auto-escada como prenda de aniversário

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...