uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Jorge Justino eleito presidente do Politécnico de Santarém

Jorge Justino eleito presidente do Politécnico de Santarém

Presidente da Escola Agrária ganhou a corrida a três com Jorge Faria e Lurdes Asseiro
Edição de 20.01.2010 | Sociedade
Jorge Justino vai deixar a direcção da Escola Superior Agrária de Santarém para ocupar a presidência do Instituto Politécnico de Santarém (IPS), cargo para o qual foi designado na segunda volta eleitoral que o opôs a Jorge Faria, actual presidente da Escola Superior de Gestão.O ainda presidente da Escola Superior Agrária obteve 12 votos, contra 9 de Jorge Faria, na reunião do Conselho Geral de 13 de Janeiro. No dia anterior esse órgão já se tinha reunido para a primeira volta eleitoral, onde a actual presidente do IPS, Lurdes Asseiro, foi afastada da corrida ao ser o candidato menos votado dos três que se submeteram a sufrágio.O apoio à qualificação do corpo docente, uma oferta formativa diversificada e adequada às necessidades da região e do país e a melhoria da qualidade dos equipamentos didácticos e tecnológicos e das instalações são, em termos gerais, alguns dos objectivos expressos no seu plano de acção. Jorge Justino garante ainda que vai apoiar as escolas que pretendam ampliar o seu raio de acção a nível de cursos com a aprovação de novas designações, nomeadamente a Escola Superior de Gestão e Tecnologia e a Escola Superior de Saúde. E ajudar na concretização das novas instalações da Escola Superior de Desporto de Rio Maior.Jorge Justino já tinha sido presidente do IPS entre 1996 e 2005, tendo agora pela frente um mandato que dura até 2014. Nascido em Santarém em 11 de Setembro de 1948, é licenciado em Engenharia Química, mestre em Química dos Processos Catalíticos e doutorado em Engenharia Química. É professor coordenador na área científica de Química e Física da Escola Superior Agrária de Santarém. Frequentou vários cursos e estágios em Portugal e no estrangeiro na área da Química. Foi investigador convidado do Centro de Química Estrutural de 1982 a 1997. Colabora regularmente com instituições de ensino, sendo disso exemplo a cooperação científica que iniciou em 2009 na área da produção e aplicação das plantas medicinais com a Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde de Auckland, na Nova Zelândia.
Jorge Justino eleito presidente do Politécnico de Santarém

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...