uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Recolha de lixo durante a madrugada em alguns bairros de Vila Franca de Xira incomoda moradores

Recolha de lixo durante a madrugada em alguns bairros de Vila Franca de Xira incomoda moradores

Situação foi discutida na assembleia municipal e o vereador responsável pelos serviços diz que vai analisar a situação

O vereador e presidente da administração dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento garante que vai também investigar se as equipas de recolha estão a misturar na mesma viatura os lixos que devem seguir separados para reciclagem.

Edição de 30.06.2010 | Sociedade
A bancada da CDU na Assembleia Municipal de Vila Franca de Xira levou à última sessão queixas de vários moradores de alguns bairros do concelho que criticam a forma como os lixos estão a ser recolhidos. Segundo os comunistas a recolha feita durante a madrugada está a perturbar o descanso dos residentes. E acrescentam que os lixos para reciclagem depositados nas ilhas ecológicas são misturados durante a recolha e que assim não vale a pena fazer a separação. O vereador e presidente da administração dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS), Vale Antunes (PS), reconhece que há problemas e promete que vai investigar se os resíduos que devem ser recolhidos separadamente estão a ser misturados. A CDU recolheu depoimentos de moradores de alguns bairros, como o do Bom Retiro, Povos (na sede de concelho) e na Quinta da Piedade, em Póvoa de Santa Iria. E diz que quando se recolhe o vidro dos contentores durante a madrugada, entre as 00h00 e as 07h00, há um enorme ruído que perturba quem está a dormir. Vale Antunes respondeu na sessão da assembleia municipal que a câmara municipal tem feito esforços no sentido de resolver a situação.O deputado municipal, Carlos Coutinho (CDU), foi o primeiro a intervir sobre o assunto para dizer que já foram vistos veículos dos SMAS a transportarem na mesma caixa e misturados os resíduos, como papel, vidro, embalagens, que deviam seguir separados para reciclagem. “De que vale ter uma ilha ecológica e fazer a separação dos resíduos se depois eu vejo os carros a recolher tudo para o mesmo sítio?”, questionou. Vale Antunes tomou nota da situação e referiu que se isso acontece “é grave”. O vereador e presidente dos SMAS disse que “se isso for verdade, na mesma viatura misturar papel e embalagens, então é um acto grave, que é proibido fazer. É uma questão que já foi levantada há 2 ou 3 anos, eu reuni com os responsáveis e foi-me dito que isso era impossível”. E garantiu que vai reunir novamente com as equipas dos que fazem as recolhas dos lixos para reciclagem para “perceber se isso foi possível”. Sobre o ruído elucidou ainda que a autarquia tem monitorizado os níveis de ruído e que vai continuar a fazê-lo no sentido de introduzir melhorias.“De há uns anos a esta parte a câmara mantém a avaliação do ruído, algumas vezes incomodativo”, reconheceu. Vale Antunes diz que nalguns bairros já foram tomadas medidas para evitar incomodar os moradores, nomeadamente com a recolha de vidro que é das que produz mais ruído. Actualmente este é recolhido até às 24h00, no máximo. Quanto aos bairros onde esta situação ainda não se verifica Vale Antunes diz que vai analisar a situação.
Recolha de lixo durante a madrugada em alguns bairros de Vila Franca de Xira incomoda moradores

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...