uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Jovens do concelho de Almeirim à procura da fama

Jovens do concelho de Almeirim à procura da fama

Participantes na gala de talentos do concelho mostram os dotes vocais

Os doze seleccionados para a gala dos talentos do concelho de Almeirim vão mostrar a sua vocação para a música no espectáculo que encerra as festas do “Pão, Vinho e Companhia” na cidade.

Edição de 01.09.2010 | Cultura e Lazer
Carla Ferreira trabalha como caixa num supermercado mas tem o sonho de ser reconhecida como cantora. Por isso inscreveu-se na gala de talentos do concelho de Almeirim promovida pela Câmara de Almeirim e vai actuar pela primeira vez num espectáculo no último dia das festas do Pão, Vinho e companhia, no domingo dia 5 de Setembro. Carla, 30 anos, costuma fazer ouvir a sua voz em karaokes em bares, mas agora a emoção é diferente e tem treinado uma das canções que vai interpretar: “Chamar a Música” de Sara Tavares, uma artista por quem tem uma admiração.Os artistas à procura da fama já fizeram dois ensaios no Cine-Teatro de Almeirim. Ao todo são 12 participantes. A mais nova é Leonor Cardeta, de 5 anos, que vai competir com a sua irmã, Catarina Cardeta, de 12 anos. A mais velha é Carla Ferreira. Outra participante, Débora Oliveira, 17 anos, de Almeirim, quer ser estrela e se não for na música pode ser na moda, porque é também uma das candidatas a Miss Ribatejo, que tem a final marcada para a sexta-feira, 3 de Setembro, no mesmo festival gastronómico da cidade. Débora começou a cantar em pequenina mas ainda não teve a oportunidade de mostrar os seus dotes vocais num grande concerto, apesar de já ter participado na animação de algumas festas. Meteu-se nesta aventura por brincadeira, mas “há sempre um lado de nós que quer que não seja só por brincadeira, que esteja alguém a ver-nos, que repare em nós e nos proporcione uma carreira”, diz a participante que já concorreu por duas vezes ao programa televisivo “Ídolos”, mas não passou da fase do pré-casting. A jovem já estudou música no Conservatório de Música de Santarém e o seu sonho é pisar os palcos da fama. O gosto pelo contacto com o público e a paixão pela música foram as razões que levaram João Nunes, 13 anos, de Fazendas de Almeirim, a concorrer. Não lhe passa pela cabeça seguir uma carreira musical porque já tem definido o seu futuro. Quer ser advogado. A música é apenas uma forma de expressão e de divertimento. Descobriu que gostava de cantar por acaso, quando o seu professor de música da Escola EB 2/3 de Fazendas de Almeirim o incentivou a fazer parte de um grupo da escola para fazer actuações em festas do estabelecimento de ensino. Os participantes vão cantar temas unicamente em português. Um deles escolhido pela organização, o outro pelo cantor. No ensaio que decorreu no dia 25 de Agosto, alguns ainda não sabiam as letras de cor, mas mostraram que tinham boa voz. Por isso foram avisados que tinham de treinar e sobretudo ouvir a música original. Beatriz Vital, de 11 anos, tinha a lição bem estudada. Quando entrou em palco avisou com grande descontracção que estava constipada. Depois de cantar “Lisboa menina e moça” com toda a emoção, os elementos responsáveis pelo espectáculo soltaram um incentivo: “Imagina se não estivesses constipada”. No espectáculo em estilo karaoke vão ser interpretados temas como “Óculos de Sol” de Natércia Barreto, “Ele e Ela” de Madalena Iglésias, “Sobe sobe balão sobe”, de Manuela Bravo ou “Há sempre música entre nós” de Dina. Temas com alguns anos e que foram escolhidos pela organização tendo em conta o tipo de público, como explicou Ana Paula Couto, animadora cultural da autarquia.
Jovens do concelho de Almeirim à procura da fama

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...