uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Bactéria obriga a fecho de piscina municipal

Edição de 01.09.2010 | Sociedade
A Piscina Municipal da Chamusca está encerrada desde o dia 27 de Agosto, na sequência de uma análise à água que revelou a presença da bactéria pseudomona, “perigosa para a saúde humana”. Segundo o presidente da câmara, Sérgio Carrinho, esta situação acontece algumas vezes e obriga a tomar a decisão do encerramento e de algumas acções para a combater.Esta bactéria pode provocar “complicados” problemas respiratórios e infecciosos, pelo que o encerramento da piscina foi determinado no mesmo dia em que foi conhecido o resultado da análise. Segundo o presidente da câmara foram tomadas as devidas precauções para resolver o problema. “Foi despejada metade da água do tanque, porque a bactéria anda geralmente ao cimo da água, e os filtros estão a ser limpos para eliminar a bactéria e voltar a abrir o espaço ao público”, disse. A reabertura estava prevista para quarta-feira, dia 31 de Agosto, altura em que seriam conhecidos os resultados de uma nova análise, que em caso de dar negativa a piscina reabriria de novo, garantiu o autarca.Perante este caso, e como a piscina estava para encerrar no dia 5 de Setembro, foi acordado com o pessoal de serviço, adiar o fecho para o dia 12 de Setembro. “Para ressarcir os utentes destes dias perdidos”, disse Sérgio Carrinho.A Pseudomona é uma bactéria Gram-negativa extremamente versátil, que pode ser encontrada em diversos ambientes, principalmente solo e água, ou ainda associada a plantas e animais, onde pode causar infecções oportunistas.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...