uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Moita Flores lança abaixo-assinado em defesa da festa brava

Autarca de Santarém pretende recolher cem mil assinaturas até Junho de 2011

Câmara de Santarém é fundadora da Associação Internacional de Municípios e Entidades Organizadoras de Festejos Taurinos Populares.

Edição de 01.09.2010 | Sociedade
O presidente da Câmara Municipal de Santarém, Francisco Moita Flores (PSD), vai lançar um abaixo-assinado “em defesa da festa brava” onde se propõe recolher 100 mil assinaturas até Junho de 2011. O autarca anunciou a iniciativa durante a reunião do executivo de segunda-feira, referindo que a mesma surge como resposta a iniciativas recentes de organizações que pretendem acabar com as manifestações taurinas em Portugal.Moita Flores acusou de “hipocrisia” os designados defensores dos animais, lembrando que não se vêem manifestações à porta dos matadouros ou das explorações pecuárias. Diz que o abaixo-assinado é em defesa dos valores da terra e da vida e pretende “mostrar ao país que não nos rendemos à cultura do hambúrguer urbano”. A recolha de assinaturas vai ser feita de diversas formas, como à porta das praças de toiros em dias de espectáculos ou na Internet.Associação vai defender festejos taurinos popularesTambém na reunião do executivo de segunda-feira ficou a saber-se que Santarém integra a recém-criada Associação Internacional de Municípios e Entidades Organizadoras de Festejos Taurinos Populares. O vereador com o pelouro da Cultura e Turismo, Vítor Gaspar (PSD), assinou o protocolo com vários municípios espanhóis, portugueses e franceses no dia 26 de Agosto, em San Sebastián de los Reyes, próximo de Madrid. A nova associação tem como fundadores, para além dos municípios portugueses de Santarém e da Moita, os municípios espanhóis de Pamplona, Cuellar, Vall d’Uixó, Beas de Segura, San Sebastián de Los Reyes e Saint Server (França), englobando ainda várias associações ligadas à tauromaquia. A associação é presidida pelo município de San Sebastián de Los Reyes e a vice-presidência partilhada entre os municípios espanhóis de Cuellar e Vall d’Uixó. Os estatutos finais da associação definem como principal objectivo: “A defesa, promoção e conservação de todos os festejos taurinos populares que façam parte da história, cultura e tradição existentes em cada território, município ou lugar onde se celebrem, sempre que a sua organização e desenvolvimento se efectuem com respeito pelos animais que neles intervenham”.“É uma resposta inteligente, lúcida e culta num tempo em que os proselitismos das religiosidades ambientais e animais procuram sem preconceitos e sem princípios morais a liquidação das ancestrais relações do homem com a natureza”, considera Vítor Gaspar.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...