uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Cemitério da Castanheira do Ribatejo está à beira da ruptura

Cemitério da Castanheira do Ribatejo está à beira da ruptura

Não há mais espaço para campas e novo cemitério só está previsto para 2012

O presidente da junta de freguesia espera que seja desta que se avance para a construção de um novo cemitério que já anda a ser reclamado há vários anos.

Edição de 08.09.2010 | Sociedade
O cemitério da vila da Castanheira do Ribatejo, concelho de Vila Franca de Xira, está próximo do limite e é uma das grandes preocupações de quem vive na freguesia. “Estamos sem espaço, só temos quinze campas”, refere o presidente da Junta de Freguesia da Castanheira, Ventura Reis (CDU), que está preocupado com o facto da ampliação do espaço só estar prevista para daqui a dois anos. “Temos feito um esforço enorme para ainda conseguir ter resposta mas temo que um dia não iremos conseguir”, realça o autarca. Há vários anos que a junta de freguesia anda a alertar para a reduzida capacidade de resposta do cemitério, mas agora a presidente da Câmara de Vila Franca de Xira promete a construção de um novo cemitério para daqui a dois anos. O anúncio foi feito durante uma visita de Maria da Luz Rosinha (PS) à freguesia e depois de ouvir as queixas de Ventura Reis. O presidente da junta fez questão de dizer que muitos moradores já se queixaram da situação e alertou para o facto de já “não haver espaço de manobra na gestão do espaço”. O problema também preocupa a população. “Se houver mais gente a morrer do que é normal as coisas vão complicar-se”, refere Filipa Rodrigues, comerciante. Também Aurora Mendes, moradora da Castanheira, mostra preocupações pela falta de espaço no cemitério. “Acho que deviam arranjar uma alternativa rapidamente”, defende.A presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira disse que se abriu a possibilidade de construção de um novo cemitério no terreno que estava destinado para a construção de um novo quartel dos bombeiros de Castanheira do Ribatejo. Já que se optou por fazer melhorias no actual quartel em vez de se construir um novo. “Vamos avançar para o desenvolvimento do projecto, de modo a permitir que no ano de 2012 o cemitério venha a estar concluído”, informou a edil. O presidente da junta, Ventura Reis, respondeu com esperança. “Espero que os prazos apresentados pela presidente sejam cumpridos, porque há vários anos que andamos a alertar para o problema do cemitério e continuamos na mesma”, concluiu.
Cemitério da Castanheira do Ribatejo está à beira da ruptura

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...